Colunas

Antes criticado e questionado sobre seu valor e sua utilidade no elenco de um grande clube como é o Manchester United, hoje o meio campista brasileiro Fred Rodrigues pode dizer que com muito trabalho dentro de campo conseguiu calar a boca de todos seus críticos e se tornou uma peça fundamental na funcionalidade da equipe de Ole Gunnar Solskjaer, se tornando um dos jogadores imprescindíveis em suas escalações iniciais.

Quando contratado em 2018 exatamente naquele período pré Copa do Mundo em que a seleção brasileira passava pela Inglaterra para realizar treinamentos e amistosos, era fácil encontrar quem questionasse a qualidade de Fred, o fato de jogar em um time ucraniano e também seu alto preço no mercado inflacionado. E talvez a junção de todas essas coisas mais o período inicial de dificuldades na adaptação a Premier League fez com que vários levantassem alguns questionamentos sobre a real utilidade deste brasileiro no elenco do United, sem dúvidas Fred passou por alguns meses difíceis por conta disso, principalmente naqueles últimos meses de Mourinho mas não abaixou a cabeça, ouviu conselhos e trabalhou bastante para conseguir apagar essa impressão errada que tinham sobre ele.

Se fosse pra colocar uma data específica de quando o brasileiro começou essa reviravolta, eu diria que foi naquele 06 de Março de 2019 em Paris, quando Fred recebeu uma grande oportunidade de jogar como titular em uma noite mágica de Champions League após o United perder vários jogadores considerados titulares para aquela partida tão decisiva, e ele foi fundamental sendo o único experiente do meio campo jogando ao lado de McTominay e Andreas Pereira, naquela noite Fred começou a provar seu valor. Confira na imagem ao lado os detalhes de sua atuação, na nota do Site SofaScore, Fred teve a terceira melhor nota do Manchester United naquela noite, tendo como destaque os acertos de todos passes longos que tentou e tendo 3 desarmes e 1 interceptação.

Durante a temporada 19-20 Fred continuou a se provar dentro de campo, ouvindo conselhos do Assistente Técnico Michael Carrick acabou desempenhando um papel primordial principalmente no período em que Matic e Pogba ficaram indisponíveis por lesão e passou a ser uma peça consistente naquele meio campo, e mesmo terminando a temporada sem ter a titularidade absoluta, foi importante em vários jogos, a destacar os clássicos contra o Manchester City que foi um leão em campo com muitos desarmes e interceptações de passe, que possibilitaram bons resultados contra os rivais da cidade. Ao fim da temporada Fred já havia conquistado uma boa parte da mídia, torcida e alguns ex-jogadores do clube, como o ídolo Peter Schmeichel que afirmou que o meio campo brasileiro era o melhor jogador do clube na temporada.

Nessa temporada o início claudicante do time, principalmente com a dupla Paul Pogba e Nemanja Matic como titulares abriu novamente uma oportunidade que se iniciou contra o Newcastle pela Premier League e somente deu sequência para chegar então no jogo diante do RB Leipzig que deve aqui ser exaltado, talvez sendo o seu melhor jogo pelo Manchester United desde que chegou ao clube. Fred contra o RB Leipzig fez de tudo em campo, conseguiu desarmes, interceptações, tirou bolas da área defensiva, participou bem da construção de jogo saindo de trás, subiu a marcação no campo ofensivo, deu passes importantes no terço final do campo e teve participação direta ou indireta em 4 dos 5 gols do Manchester United naquele jogo, simplesmente fenomenal.

Suas boas atuações em sequência tem chamado a atenção de muitos e calado a boca daqueles que diziam não ter o valor pago e nem a qualidade necessária, mas tem um estatística que impressiona muito na atual temporada. Com Fred sendo titular do time de Solskjaer o retrospecto é de 11 partidas, com 9 vitórias, 1 empate e 1 derrota do Manchester United, não é qualquer jogador que tem esse impacto mas é claro que isso não se deve somente ao brasileiro estar em campo, mas o perfeito encaixe dele nesse meio campo que dá assim mais liberdade para que Bruno Fernandes brilhe ofensivamente tendo a segurança lá atrás de um jogador do nível de Fred, seu principal parceiro de marcação nesses jogos foi Scott McTominay que mostra ter um bom entrosamento com o brasileiro, mas teve também a companhia de Donny Van de Beek nos últimos jogos e formaram uma dupla bem dinâmica nesse meio, em outras situações jogou com Paul Pogba ou com Nemanja Matic e não deixou cair seu nível individual de atuação.

Tudo isso só faz com que Fred se torne uma peça imprescindível no meio campo de Ole Gunnar Solskjaer e não importa quem atua ao seu lado, eles terão oportunidade de brilhar porque ele tem mostrado ser fundamental nessa equipe inicial não só pela qualidade ou pela função tática que faz em campo, mas a sua vocalidade no quesito liderança tem que ser destacada, Fred tem cobrado e corrigido seus companheiros para que estejam mais ligados e tem dado um ótimo resultado, se unindo ao Bruno Fernandes nesse meio como jogadores com característica de liderança, e se depois de tudo isso se você não concordar comigo que Fred é um dos melhores e mais importantes jogadores do United na temporada, me desculpe mas vou ter que te chamar de louco, porque quanto a isso não há discussão e com toda a certeza Tite está cego em não perceber tudo isso. Deleitem-se com as atuações de Fred!

Comentários