Colunas

Em 2010, o Manchester United comprou uma jovem revelação do futebol português. Seu nome é, Tiago Manuel Dias Correia, mais conhecido como Bebé. Na tentativa de encontrar um novo Cristiano Ronaldo para o time, Sir Alex Ferguson não pensou duas vezes em contratar o atacante do Vitória de Guimarães.

Bebé tinha de tudo para ser um craque. Real Madrid e Benfica também estava de olho no português, mas o United foi mais rápido. Sem êxito, pagou cerca de £7,4 milhões. Junto com a revelação portuguesa indicada por Carlos Queiroz, na época assistente do Ferguson, chegaram também Javier “Chicharito” Hernandez, revelação mexicana contratado por U$18 milhões e Chris Smalling, zagueiro inglês bastante promissor.

Bebé estreou bem. Fez um gol em um amistoso contra o Ajax Cape Town e salvou o United da derrota. Mas acabou por aí. Diferente dos outros dois que chegaram junto com o português, ele foi emprestado para uma série de times. O primeiro foi para o Besiktas. Voltou, não foi aproveitado e voltou para Portugal, para jogar no Rio Ave. Em 17 partidas fez apenas um gol. O United mais uma vez não queria contar com o atacante e o emprestou para o Paços de Ferreira, onde também não vingou seu futebol.

Chicharito foi contratado em 2010 por U$18 milhões, impedindo assim, a ida de James para o United.

Chicharito foi contratado em 2010 por U$18 milhões, impedindo assim, a ida de James para o United.

No entanto, para nossa tristeza, o United preferiu contratar Bebé e Smalling (não falo o Chicharito porque ele deu certo) e rejeitou nada menos que, James Rodriguez.

Na época, James tinha apenas 18 anos e era uma revelação no campeonato argentino jogando pelo Banfield. O United queria contratar o jogador, mas como ja tinha contratado Chicharito por U$18 milhões, eles não aceitaram pagar cerca de £5 milhões para contar com James. Um mês depois, por causa dos diversos conselhos de Queiroz, o United preferiu pagar £7,4 milhões no desconhecido Bebé.

Rodriguez foi contratado pelo Porto logo em seguida por uma quantia de £4 milhões. Em Portugal, James conquistou três títulos do campeonato português e uma Liga Europa. Quando o United o abordou novamente, o seu valor estava dez vezes mais caro do que fora contratado. Era preciso desembolsar cerca de £40 milhões para ter o colombiano. Houve mais um recuo do Manchester e assim o Mônaco contratava James por £60 milhões. Enquanto isso, Bebé estava sendo emprestado ao Rio Ave.

James, preterido pelo United em 2010, é hoje um dos melhores e mais cobiçados jogadores do mundo.

James, preterido pelo United em 2010, é hoje um dos melhores e mais cobiçados jogadores do mundo.

Hoje, com o Rooney, Januzaj e Mata no elenco, o United recua e percebeu o erro grotesco cometido em 2010. Claramente a diretoria Red Devil preferiu trocar uma estrela em ascensão por um desconhecido português.

Atualmente, Bebé tem 23 anos, esta vagando pelo submundo do futebol e tem apenas 11 gols na carreira profissional (contando jogos oficiais). Já James Rodriguez é um dos jogadores mais cobiçados do mundo e, até então, o melhor jogador da COPA DO MUNDO de 2014, fato esse que Bebé, jamais poderá ter a oportunidade.

Por Vinicius Toscano
www.mufcbr.com

Comentários