Todo mundo esperava um jogo disputado e muito bom, é claro. E como um todo, o jogo foi muito bom. Mas até os 30 minutos do primeiro tempo o Manchester United dominou a partida de tal forma que se imaginava uma goleada, mesmo fora de casa, já que até aí vencíamos por 2 a 0 e aplicávamos uma marcação perfeita.

Porém, a partir de então diminuímos o ritmo e o domínio passou para o outro lado. Foi aí que o Chelsea empatou e quase virou o jogo.

Então, Chicharito Hernandez entra, marca e nos dá a vitória. Vitória que nos ajudou demais na tabela, mas que poderia ter sido bem mais tranqüila. Até então, tudo certo, mas como toda história tem um porém, vamos às polemicas da partida.

Vou começar com o gol da vitória, onde realmente, Chicharito estava impedido. Mas por favor, sem essa história de que há armação para o United ganhar a EPL, porque não erram somente a nosso favor. E se fosse assim, teríamos vencido a última temporada. Aliás, nem vale a pena discutir esse assunto. Não foi o primeiro e provavelmente não será o último erro de arbitragem do campeonato.

Sobre as expulsões, embora possam falar que é clubismo, eu achei as duas justas. Porém a do Torres, principalmente, é bem discutível e vai da interpretação de cada um.
Mas nós torcedores que não temos nada com a arbitragem e com as reclamações do lado azul, temos mais é que comemorar.

Próximo jogo na Premier League, é contra o Arsenal, em Old Trafford. Espero que a vitória venha sem polêmicas e claro, que o tenha show de Van Persie de novo.

Por Larissa Bezerra
www.mufc.com.br

Comentários