Mais uma vez, United desperdiça chance de subir na tabela, Ibra perde pênalti e com um a menos, Bournemouth segura o empate com grande atuação de Boruc

Pogba foi um dos que perderam chances de gol (Getty)

 

 

 

 

 

 

Após o título da Copa da Liga no último domingo, o Manchester United voltou suas atenções para a Premier League. Neste sábado de manhã, o Old Trafford recebeu o confronto de um time invicto há mais de 10 partidas pelo Campeonato Inglês contra um time que ganhou apenas 5 pontos dos últimos 30 disputados. Mas em campo, o Bournemouth se agigantou e não fez feio. Segurou o ímpeto do United e garantiu um pontinho fora de casa, com grande atuação do goleiro polonês Boruc, que foi o nome da partida.

O JOGO

Como é de praxe, a primeira etapa de partida foi uma repetição de todos os jogos do United em Old Trafford. Os vinte minutos iniciais de muita pressão e muitas chances criadas. Logo no primeiro minuto, Valencia aproveitou erro na saída de bola e cruzou pra Rooney, que podendo dominar, preferiu cabecear e errou o gol. Aos cinco, Shaw fez lindo lançamento para Pogba, que disparou em velocidade e entrou cara a cara com Boruc, mas o goleiro desviou e levou a melhor. Em outra jogada, Martial invadiu a área e rolou para Ibra, e na pequena área, Zlatan não completou para o gol. Boruc também apareceu bem fazendo uma linda defesa em chute rasteiro de Martial. Até que finalmente o gol saiu. Valencia bateu de fora da área e no meio do caminho, Rojo, em dia de Ibrahimovic, cutucou a bola, que morreu nas redes para abrir o placar em Old Trafford. Com a vantagem no marcador, o United aquietou e diminuiu o ímpeto, o que fez o Bournemouth se assanhar e logo conseguir o empate. Na marca de 40 minutos, Jones levou corte seco de Pugh e, no carrinho, acabou cometendo pênalti. King pegou a bola e bateu no canto alto de De Gea, que quase defendeu. No final do primeiro tempo, a confusão que mudou o jogo. Em um lance de ataque do United, Ibrahimovic caiu no chão de levou um pisão na cabeça de Mings e o árbitro não viu. No lance seguinte, Zlatan acertou uma cotovelada em cheio no rosto do zagueiro do Bournemouth. Os jogadores visitantes foram pra cima do árbitro cobrando a expulsão do sueco, que já tinha cartão amarelo, porém o árbitro contemporizou e ficou só na conversa. O que irritou Surman, que por reclamação, acabou sendo expulso.

Rojo viveu dia de Ibrahimovic (Getty)

Em desvantagem numérica, o Bournemouth recuou e estacionou o ônibus no segundo tempo, onde Boruc foi o motorista. Mesmo desorganizado e sem muita inspiração, o United foi pra cima à todo custo tentando a gol da vitória, porém, Ibrahimovic, vivendo seu dia de Rojo, errou tudo que tentou. Mourinho até tentou mudar, fazendo uma inusitada substituição tripla aos 25 minutos, onde colocou Lingard, Rashford e Fellaini. No minuto seguinte as mudanças, Pogba desviou para trás e Smith cortou com o braço, pênalti claro assinalado para o United. Ibrahimovic pegou a bola para tentar se redimir da péssima atuação mas acabou se colocando como pior homem em campo. O sueco cobrou rasteiro e Boruc fez a defesa da partida. Depois do pênalti perdido, o United resolveu tentar a vitória na base do chuveirinho, e quase conseguiu. No último lance da partida, Pogba furou e perdeu a chance de finalmente sair da sexta colocação. Mas a defesa do Bournemouth prevaleceu e o empate foi o resultado final de partida. Mais um resultado melancólico dentro de casa graças a grande atuação do goleiro visitante somada à incompetência do ataque mancuniano, pena para o United, que desperdiçou a chance de se aproveitar do confronto direto entre Arsenal x Liverpool nessa rodada.

O Manchester United volta à campo na próxima quinta-feira (9/3), pela UEFA Europa League, frente ao Rostov, na Rússia, às 15h de Brasília.

ESTATÍSTICAS DA PARTIDA

• Finalizações (no gol)
Utd 20(7)x3(1) Bournemouth
• Escanteios
Utd 15×2 Bournemouth
• Faltas
Utd 9×11 Bournemouth
• Posse de Bola
Utd 68×32 Bournemouth

Comentários