Competições

» O JOGO

Diferente das última partidas, o United tomava iniciativa nas jogadas ofensivas, trocava muitos passes envolvendo o Chelsea, assim abrindo espaços na zaga adversária. O bom futebol apresentado quase resultou em gol aos 3 minutos, Shaw, que estava na zona da defesa, fez um longo lançamento para Lukaku, o belga entrou na área e foi atrapalhado por Rüdiger, contudo ainda conseguiu finalizar em cima do goleiro Kepa.

Com certo domínio do jogo, o United abriu o placar aos 10 minutos, Lukaku levantou a bola para Shaw, o camisa 23 avançou dentro da área, esperou a saída do Kepa e deu passe para o centro da área, Mata aproveitou o lance e mandou a bola para o fundo das redes. Graças a boa marcação do United, o Chelsea tinha dificuldades para abrir espaços na zaga adversária, portanto apostando mais nas jogadas de contra-ataque.

Os red devils quase ampliaram aos 28 minutos, quando Bailly aproveitou a cobrança de escanteio e subiu livre para cabecear, a bola passou muito próximo a trave. A forte marcação red devil e a falta de lances perigosos dos blues, a vantagem do United no placar parecia certa até o final da primeira etapa, contudo o Chelsea chegou ao empate aos 42 minutos, após nova falha do De Gea, o espanhol não encaixou o chute de longe do Rüdiger e a bola bola sobrou com o Alonso, que ainda acertou a trave antes da boal entrar.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou mais equilibrada, o grande destaque foram as lesões, aos 61 minutos, Rüdiger saiu de campo sem conseguir colocar o pé esquerdo no chão. Aos 70 minutos foi a vez do Bailly deixar o campo, após dividida com Kovacic que caiu por cima do joelho do zagueiro red devil, o marfinense deixou o campo com certa dificuldade em colocar no pé no chão,  contudo o problema foi no joelho.

As equipes tentavam mudar o placar, mas não conseguiam impor nenhum ritmo que fizesse a partida mudar. As melhores chances de gols surgiram nos minutos finais, aos 92 minutos, em cobrança de escanteio, Rojo cabeceou tirando do Kepa, mas o Pedro fez o corte em cima da linha. O Chelsea teve uma boa oportunidade aos 97 minutos, Higuaín recebeu livre e tentou encobrir o De Gea, que conseguiu bloquear o chute.

O empate foi bom para o Chelsea que se mantem na quarta colocação e ruim para o United, que desperdiçou uma grande oportunidade de encostar na briga por uma das 2 vagas restantes, para próxima edição da Champions League.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea, Young, Lindelof, Bailly (Rojo 71′), Shaw, Matic, Pogba, Herrera, Mata (McTominay 81′), Lukaku e Rashford (Alexis 65′)

Chelsea: Kepa, Azpilicueta, Rudiger (Christensen 65′), Luiz, Alonso, Kante, Jorginho, Kovacic (Loftus-Cheek 76′), Willian (Pedro 84′), Higuain e Hazard

Gols

Manchester United: Mata (10′)
Chelsea: Marcos Alonso (42′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Herrera (43′), Rojo (80′) e Young (89′)
Chelsea: Willian (52′) e Kovacic (54′)

Comentários