Pré-Jogo

Não foi um jogo brilhante, nem o pior dos jogos. Depois de duas derrotas pesadas em casa pela Premier League, o Manchester United se recuperou, com alguns sustos, e bateu o Aston Villa por 4-1 no Old Trafford. Jogo ficou marcado pelo 1º gol do Mata e a volta às redes de Rooney e Chicharito no nosso estádio. Já Westwood descontou para os visitantes.

O jogo

Poupando alguns jogadores, o United entrou em campo para afastar a má fase e ter um pouco de paz em seus domínios, mesmo com uma incerteza entre a torcida. Enquanto uns apoiavam o Moyes no Old Trafford, no lado de fora, o avião com a faixa ‘Wrong One – Moyes Out’ passeava pelo céu, sem muita atenção.

Ao começar o jogo, o time começou sonolento e deu bastante espaço para o Aston Villa controlar o meio-campo. Aos 11 minutos, após um erro do Young, os Villans se lançaram em um contra-ataque parado por Rafael. O brasileiro cometeu a falta (boba) e levou amarelo. Na cobrança, Westwood chutou firme e colocado no canto direito do De Gea. 1-0 para os visitantes.

Os jogadores começaram a ficar meio nervosos. Reflexo disso foi a falta do Buttner na lateral-esquerda e dando um “pedala” no jogador adversário. Aos poucos, o United começava a partir pro ataque. E assim, chegou ao primeiro gol com participação do mais “são” dos jogadores. Após passe para Kagawa, o japonês dominou a bola e precisamente cruzou para o Rooney desviar sem sair do chão. Belo gol para trazer a torcida de volta.

O jogo continuou bem ruim irregular, com muitos erros, principalmente do Young e do Buttner. Seguiu assim até os 43 minutos, quando o Kagawa novamente achou o Mata dentro da área. O espanhol tentou cortar para a direita, mas foi derrubado. Pênalti claro marcado por Martin Atkinson. Na cobrança, Rooney cobrou de forma magistral no canto direito e virou o jogo. O camisa 10 chegou a 171 gols na competição, se tornando o 4º maior artilheiro da história da Premier League.

Segundo tempo

Para poupar e evitar expulsões, Rafael foi substituído logo no intervalo pelo Carrick. Jones foi para a lateral-direita. Já aos 4 minutos, Benteke recebeu livre dentro da área e furou o chute, porém Carrick chegou para interceptar. Minutos depois, Benteke perdeu outra oportunidade. Após cruzamento da direita, o atacante belga cabeceou por cima do gol.

Como quem não faz, leva, assim sofreu o Aston Villa aos 12 minutos. Depois de uma confusão na pequena área, a bola sobrou para o Juan Mata chutar de direita e fazer seu primeiro gol com a camisa do Manchester United.

Com 22 minutos, Kagawa, que fez boa partida e deve ter garantido uma vaga para terça-feira, saiu para a entrada do Januzaj, que um minuto depois, limpou 3 jogadores e chutou nas mãos do goleiro Guzan. Aos 25, Rooney recebeu bom passe, limpou os zagueiros e chutou em cima do Guzan. Quase o 3º gol do Wazza.

O time passou a se acomodar e o Aston Villa tentou ameaçar com algumas jogadas e chutes do Tonev. Com meia-hora no 2º tempo, Chicharito entrou para a saída do Rooney. Aos 32, Benteke recebeu a bola depois de um cruzamento e mais uma vez furou.

E para bater uma nostalgia do Fergie Time, nos acréscimos, Januzaj fez ótima jogada pela esquerda, e cruzou para o Chicharito concluir de uma forma que só ele consegue. Festa no Old Trafford garantida e para dar uma afrouxada na corda do David Moyes. Agora o time se prepara para enfrentar o Bayern na terça-feira (01/04).

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea, Rafael (Carrick 46), Vidic, Jones, Büttner; Young, Felliani, Fletcher, Mata, Kagawa (Januzaj 68) e Rooney (Hernandez 75)

Aston Villa: Guzan; Bacuna, Vlaar, Clark, Bertrand; Albrighton (Lowton 78), Delph, Westwood, Weimann, Agbonlahor (Tonev 71) e Benteke

Gols

Manchester United: Rooney (20’e 45′), Mata (57′) e Chicharito (91′)
Aston Villa: Westwood (13′)

Cartões Amarelo

Manchester United: Rafael (12′), Büttner (16′)
Aston Villa: Bacuna (44′), Bertrand (64′), Clark (88′) e Lowton (93′)

Por Jardel Messias
www.mufcbr.com

Comentários