Competições

» O JOGO

No último amistoso de pré-temporada, o United enfrenta o Paris St. Germain, o tal do endinheirado PSG. Depois disso, mais uma semana e meia contada regressivamente para ATÉ QUE ENFIM! a Premier League voltar. Estamos quase lá, amigos. E, como trata-se do último amistoso antes do duelo contra o Tottenham, dia 8, podemos decifrar algumas das perguntas para o início do campeonato.

Novamente um time muito parecido com os que vêm sendo utilizados, com apenas uma alteração: Schweinsteiger no lugar de Schneiderlin. VG parece que já achou seus 11 contra o Tottenham.

» PRIMEIRO TEMPO

Logo no início do jogo, De Gea vacilou, simplesmente entregou a bola nos pés de Ibrahimovíc e contou com o erro do atacante de 33 anos, que isolou a bola e perdeu a chance de abrir o placar.

Novamente num 4-4-2 que muitas vezes variava para um 4-2-3-1, o United começou o jogo apostando muito nas subidas de Darmian pela direita. Depay, mais uma vez, encontrava-se completamente solto em campo, buscando confundir a marcação da equipe francesa.

Aos 25 minutos, quando o United começava a encontrar uma dinâmica de jogo interessante, Lucas fez ótimo lançamento para Matuidi, que brigou com Jones e, na força, conseguiu o espaço suficiente para triscar na bola e tirar De Gea do lance. 1 a 0 PSG.

Em outro contra ataque com muita velocidade, o PSG conseguiu marcar o segundo. Maxwell fluiu pela esquerda e deu passe na medida para Ibra só desviar De Gea no lance. Belo gol dos franceses. 2 a 0 no placar.

Nos dois gols e na primeira etapa inteira nosso sistema defensivo estava confuso. Principalmente Jones, que não parecia o mesmo cara que tirou aquela bola de testa versus Giroud ano passado. Parecia que tinha comido uma bela duma feijoada mais cedo. Lento e com a cabeça longe, bem longe.

» SEGUNDO TEMPO

Para a segunda etapa, De Gea, Schweinsteiger e Young deixaram o time. Entraram Johnstone, Schneiderlin e Pereira. Pereira, que mal chegou no jogo já fez linda jogada pela esquerda e deu passe perfeito para Mata completar para as redes, porem o espanhol furou bisonhamente  e desperdiçou a chance.

Como a equipe no primeiro tempo alternava alguns sonos e mais sonos, as entradas de Pereira e Schneiderlin fizeram muito bem. Deram aquele gás novo que sempre faz falta nos minutos finais da pelada do fim de semana.

Conforme o tempo ia passando, mais sono e preguiça. Poucas jogadas construídas e no final sempre dependendo de uma movimentação diferente, sobretudo de Depay – esse sim lutava por algo. Pereira, voltando à ponta esquerda, tentava bastante também, mas os 2 a 0 abertos na primeira etapa pareciam de alguma forma desmotivar a equipe de VG.

E o segundo tempo mostrou muito disso. Um jogo bem chato à quem assistiu. Um 2 a 0 que deixou aquele gosto: os dois times podiam jogar mais, sabe?

Do lado que interessa, do United, algumas considerações finais.

Shaw: fisicamente outro. Incríveis suas arrancadas pela ponta esquerda. Parece que teremos boa opção de jogo por ali.

Darmian: do outro lado não é diferente. Darmian chegou bem. Senso de marcação relativamente bom; bom passe; noção de jogo inteligente; apoio e cruzamentos criativos. Boa contratação.

Depay: vou fazer que nem ele disse quando chegou ao clube. Não vou falar nada. Só esperar a temporada. Ele vai dizer tudo jogando bola. Foi uma contratação grande, grande mesmo. Mas deixa isso com o tempo.

É isso, red devils. Sem desespero pela derrota, deixemos o campeonato chegar. É dia 8 de Agosto, amigos!

Tottenham. Old Trafford. 8h45 da manhã. Estaremos com vocês! Cmon United!

[divide icon=”square”]

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea (Johnstone 46), Darmian, Jones (Smalling 65), Blind, Shaw (Valencia 65), Carrick (Goss 81), Schweinsteiger (Schneiderlin 46), Mata (Lingard 81), Memphis, Young (Pereira 46) e Rooney

Paris Saint-Germain: Trapp, Da Silva, Maxwell (Digne 53), Aurier (Luiz 48), van der Wiel (Marquinhos 50), Stambouli, Matuidi, Verratti, Moura (Ongenda 69), Augustin (Cavani 47) e Ibrahimovic (Bahebeck 69)

Gols

Paris Saint-Germain: Matuidi (25′) e Ibrahimovíc (34′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Valencia (79′)
Paris Saint-Germain: Marquinhos (76′)

Por Breno Zonta
www.mufcbr.com

Comentários