» O JOGO

A partida começou o United “atacando com os 11 jogadores”, como havia dito Mourinho. E foi assim que abriu o placar aos 3 minutos, Koscielny deu passe errado Valencia ficou com a bola, tabelou com Pogba e chutou entre as pernas do Cech. Mesmo com o gol no início da partida, os red devils não diminuíram o ritmo e continuaram pressionando.

E o segundo gol dos comandados do Mourinho foi marcado após novo erro, na saída de bola, do Arsenal, aos 11 minutos. Mustafi bobeou e perdeu a bola para Lukaku, que deu passe para Martial, o francês deu uma bela assistência para o Lingard que bateu cruzado para ampliar o resultado.

Os dono da casa passaram a partir para o ataque e chegaram com perigo aos 19 minutos, a bola foi levantada na área, Lacazette desviou com os cravos da chuteira, a bola bateu no De Gea e voltou no atacante francês e saiu rente a trave.

Os gunners continuaram a pressionar e por muito pouco não marcaram, aos 32 minutos. Sánchez pela esquerda deu passe para o meio, a bola sobrou com Lacazette, que furou o primeiro chute, mas continuou com a bola e chutou com o De Gea caído, a bola desviou no espanhol e bateu no travessão. No rebote Xhaka chuta e a bola raspa na trave e sai.

Nos minutos finais, De Gea voltou a salvar o United. No primeiro lance perigoso conseguiu parar as finalizações de Bellerín e Kolasinac, aos 43 minutos. Já aos 46 minutos, evitou, em cima da linha, um gol contra do Lukaku, que havia tentado afastar um cruzamento.

» SEGUNDO TEMPO

O Arsenal diminuiu aos 48 minutos, Sánchez levantou na área, a zaga do United falhou na marcação e Ramsey apareceu sozinho para dominar e tocar para Lacazette marcar. A resposta do United veio no minuto seguinte, Lingard partiu em velocidade, tentou encobrir o Cech, a bola desviou no braço do goleiro e bateu na trave, Martial ficou com a sobra, porém acertou o Monreal.

A pressão dos donos da casa em cima do United passou a ser maior. Iwobi chutou com perigo, aos 52 minutos, depois o goleiro red devil fez duas grandes defesas aos 55 minutos, no primeiro lance Lacazette chutou rasteiro, a bola sobrou para Sánchez que teve o chute defendido com a ponta do pé do De Gea.

O United chegou ao terceiro gol aos 63 minutos, Pogba avançou pela direita, se livrou do Koscielny e cruzou para o Lingard finalizar sem goleiro. Com a vantagem no placar, o United passou a recuar mais e deixou de pressionar na saída de bola adversária.

A pressão dos gunners aumentou após a expulsão do Pogba, após o francês pisar nas duas pernas do Bellerín em uma disputa de bola, aos 73 minutos. Aos 82 minutos Welbeck chutou da entrada da área, a bola desviou no Herrera e quase encobriu o De Gea, que mandou a bola para escanteio.

Aos 87 minutos, Darmian foi roubar a bola do Welbeck e acabou derrubando o ex-red devil dentro da área, contudo o árbitro nada marcou. E mesmo depois de muito tentar o Arsenal não conseguiu diminuir a desvantagem. O United segue como o único mandante com 100% de aproveitamento na Premier League.

Detalhes

Escalações

Arsenal: Cech; Koscielny, Mustafi (Iwobi 15′), Monreal; Bellerin, Ramsey, Xhaka (Welbeck 70′), Kolasinac (Giroud 77′); Ozil, Sánchez e Lacazette

Manchester United: De Gea; Valencia, Lindelof, Smalling, Rojo, Young (Rashford 90′); Matic, Pogba; Lingard (Darmian 76′), Martial (Herrera 67′) e Lukaku

Gols

Arsenal: Lacazette (48′)
Manchester: Valencia (3′), Lingard (11′ e 63′)

Cartões Amarelos

Arsenal: Bellerein (72′), Koscielny (87′), Sánchez (89′)
Manchester United: Rojo (58′), Herrera (89′)

Cartão Vermelho

Manchester United: Pogba (73′)

Comentários