Competições

» PRÉ-JOGO

Para decidir de vez quem ficará com a vaga direta para a fase de grupos da próxima Uefa Champions League, United e Arsenal enfrentam-se no Old Trafford pela penúltima rodada do campeonato. Sem Rooney, Carrick e Shaw, os Red Devils terão de apostar em Falcao Garcia no comando do ataque, em jogo que deve ser sua despedida do estádio mancuniano.

» O JOGO

A partida começou com posse totalmente do lado do United, e com o Arsenal marcando atrás e tentandoa char eventuais espaços em contra ataques, usando principalmente os lados do campo com Ramsey, Ozil e Sanchez variando por lá.

Mais uma vez no 4-1-4-1, o United ainda tinha pouca ligação meio campo ataque, muito pela participação discreta de Falcao no jogo. O colombiano ficava muito estático à frente e, assim, dava poucas opções de jogo aos demais companheiros.

Logo aos 30 minutos, após boa movimentação pela esquerda, Fellaini deixou à frente com Young, que entortou a marcação e cruzou de esquerda, na medida, para a chegada de Herrera no segundo pau; o espanhol bateu conscientemente no canto de Ospina. 1 a 0 United.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou do jeito que terminou a primeira: muita posse de bola por parte do United, e um Arsenal recuado e pouco efetivo. Para ter-se uma ideia a primeira finalização da equipe londrina no jogo foi de Sanchez, aos 51 minutos, e foi um arremate sem nenhuma perigo para a meta de De Gea.

Aos 62 minutos, Girou teve grande chance para empatar o jogo. O francês girou contra Smalling e, cara a cara com De Gea, não conseguiu bater bem na bola, parando no goleiro espanhol. O Arsenal começava a gostar do jogo, e o volume de ataque das equipes equilibrava.

Um pouco mais tarde, após lançamento, De Gea saiu mal do gol, Ramsey conseguiu tocar por cima do goleiro e só não empatou o jogo porque Rojo acompanhou a jogada e conseguiu cortar providencialmente.

O goleiro, que (choremos)pode estar a caminho do Real Madrid, saiu de campo lesionado e deu lugar a Victor Valdes, fazendo sua estreia pelo United. A forma estranha que o goleiro saiu pode dizer muito, muito mesmo do que pode acontecer nos próximos dias quanto a seu futuro. Resta-nos esperar. E torcer.

E ainda deu tempo do gol de empate dos Gunners. Walcott recebeu pela direita, gingou para cima de Blackett e bateu cruzado, a bola desviou no jovem zagueiro e enganou Valdes. Tudo igual no Teatro dos Sonhos, e sem tempo para mais nada.

[divide icon=”square” color=”#000000″]

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea (Valdes 74′), Valencia, Jones, Smalling, Rojo (Blackett 73′), Mata, Blind, Herrera, Young, Fellaini e Falcão (van Persie 61′)

Arsenal: Ospina, Bellerin (Wilshere 72′), Mertesacker, Koscielny, Monreal, Coquelin, Cazorla (Walcott 72′), Ramsey, Ozil, Sanchez (Flamini 90′) e Giroud

Gols

Manchester United: Herrera (29′)
Arsenal: Blackett (contra(81′))

Cartões Amarelos

Manchester United: Herrera (95′)

Por Breno Zonta
www.mufcbr.com

Comentários