» O JOGO

A partida começou bem movimentada, porém com muitas faltas e cartões. Em dois minutos, foram distribuidos 3 cartões amarelos, dois deles para o Huddersfield, que jogava recuado, obrigando a equipe mandante a pressionar mais para recuperar a bola. Devido a isso, as equipes não conseguiam finalizar.

Apesar de estar melhor em campo, quem abriu o placar foi o Huddersfield aos 27 minutos, após erro do Juan Mata na saída da bola, Ince avançou em velocidade, chutou e De Gea deu rebote, a bola sobrou com Mooy que finalizou para abrir o placar. Quando o United tentava se acertar em campo, foi a vez do Lindelof, que havia entrado no lugar do Jones, que saiu machucado.

O sueco não conseguiu afastar a bola lançada pelo goleiro Lössl e viu Depoitre ficar com a bola, driblar o De Gea e ampliar o placar aos 32 minutos. O United pressionou bastante nos minutos finais, a melhor chance de diminuir a desvantagem foi aos 47 minutos, quando Matic aproveitou o corte da zaga e chutou de primeira, a bola desviou na zaga antes de sair pela linha de fundo.

» SEGUNDO TEMPO

Mourinho fez duas substituições para a segunda etapa, Mkhitaryan e Rashford entraram nos lugares de Mata e Martial, respectivamente. Apesar das mudanças, o United não conseguia criar chances de finalizar, apesar de ter maior posse de bola.

O United tentava avançar, mas Young e Lingard não conseguiam ajudar nas jogadas lateiras, que vinha sendo a principal arma da equipe, o Huddersfield jogando recuado, não dava espaço ao comandados do Mourinho, além de apostar nas jogadas de contra-ataque com velocidade.

Nos minutos finais, os red devils passaram a pressionar e levar mais perigo a defesa adversária. Aos 75 minutos, Young cruzou para o centro da área, Herrera subiu para cabecear com perigo. Dois minutos depois, Lukaku cruzou do lado direito, para Rashford cabecear sozinho e diminuir a desvantagem no placar. O United seguiu pressionando, mas não conseguiu o empate. A derrota foi a primeira da equipe na atual edição da Premier League.

DETALHES

Escalações

Huddersfield: Lossl; Smith, Schindler, Zanka, Lowe; Hogg, Williams; Ince (Malone 90), Mooy, Kachunga (van la Parra 38) e Depoitre (Mounie 70)

Manchester United: De Gea; Valencia, Jones (Lindelof 23), Smalling, Young; Herrera, Matic; Mata (Mkhitaryan 46), Lingard, Martial (Rashford 46) e Lukaku

Gols

Huddersfield: Mooy (27′) e Deoitre (32′)
Manchester United: Rashford (77′)

Cartões Amarelos

Huddersfield: Smith (8′), Schindler (9′), Mooy (66′) e Williams (79′)
Manchester United: Martial (8′) e Young (60′)

Comentários