Ibrahimovic marca e United faz boa estreia pela Premier League» PRÉ-JOGO

Pela primeira rodada da Premier League 2016/2017, o United consegue os primeiros 3 pontos jogando fora de casa contra o Bournemouth vencendo por 3×1, com excelentes atuações dos estreantes Bailly, Ibrahimovic, que na sua estreia no campeonato inglês marcou mais uma vez e um belo gol, e do treinador José Mourinho (Mkhitaryan também estreou mas jogou poucos minutos no Vitality Stadium).

» O JOGO

Com algumas mudanças nos 11 iniciais em relação ao jogo contra o Leicester, o United começou a partida de forma mais cadenciada, estudando o adversário do sul da Inglaterra, porém com pouca posse de bola e muitas ligações diretas (jogada que aconteceu diversas vezes dos dois lados na primeira etapa).

O jogo se concentrava muito do lado direito de ataque, com as investidas de Valencia que dava apoio ao ataque a todo momento, fazendo com que o meio campo se tornasse inativo em relação a criação de jogadas, assim como aconteceu nas partidas anteriores, com a bola passando poucas vezes nos pés de Rooney, Mata e cia. Um dos fatores dessa inatividade do meio campo é a entrada mais uma vez de Fellaini, que tira de certa forma essa mobilidade, o que pode ser consertada com a chegada de Pogba, que pode atuar como primeiro ou segundo volante ao lado de Schneiderlin, Herrera ou até mesmo Carrick.

Mesmo com um jogo bastante equilibrado na primeira etapa, o United, sem merecer muito a vitória, chega ao gol que abre o placar com Mata, após uma falha individual de uma das peças do sistema defensivo do Bournemouth, no finalzinho dos primeiros 45 minutos, o que deu tranquilidade para a equipe iniciar o segundo tempo.

» SEGUNDO TEMPO

Com um início de segundo tempo muito diferente do que foi o primeiro, com um jogo mais aberto por parte das duas equipes, que pareciam se preocupar bastante com a defesa, o United começou a trocar mais passes, encontrou espaços na defesa adversária que ficou exposta pelo fato de estar buscando o empate na partida e conseguiu ampliar o marcador logo de cara, após um chute errado de Martial, a bola sobrou para Wayne Rooney marcar o segundo gol dos Red Devils na partida.

Se o gol do primeiro tempo deu tranquilidade e abalou o time da casa, o segundo só facilitou mais ainda a partida para o United, que mesmo sem brilhar, sem muitas jogadas de efeito, porém com um jogo mais objetivo do que era com Louis van Gaal, conseguiu manter o controle da partida, mesmo com um meio campo pouco criativo mas o lado do campo bem atuante, principalmente com Valencia e com Martial que teve um partida taticamente muito boa.

E faltava o dele. Zlatan Ibrahimovic que marcou no seu primeiro amistoso com a camisa do United e na sua primeira decisão de título, guardou o seu também na estreia do maior campeonato do mundo, a Premier League, após um belo chute rasteiro de fora da área sem chances para o goleiro Boruc da equipe da casa.

Mais uma vez, a zaga do United foi um dos destaques. Com uma excelente partida de Blind e Bailly (mesmo com um gol sofrido hoje, em um lance isolado da partida quando já estava 3×0 pro United), parece difícil Smalling ou Jones cavarem uma vaga no time titular com atuações tão regulares dos atuais detentores da posição no time de José Mourinho que desde as partidas de pré-temporada se mostram muito seguros e consistentes.

Detalhes

Escalações

Bournemouth: Boruc, Francis (c), A.Smith, S.Cook, Daniels, Arter, L.Cook (Gradel 82′), Surman, King, Ibe (Afobe 68′), Wilson (Grabban 67′)

Manchester United: De Gea; Valencia, Bailly, Blind, Shaw; Fellaini, Herrera; Mata (Mkhitaryan 75′), Rooney (c) (Memphis 89′), Martial (Schneiderlin 85′); Ibrahimovic

Gols

Bournemouth: A.Smith (69′)
Manchester United: Mata (40′), Rooney (64′) e Ibrahimovic (69′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Herrera (86′)

Comentários