» O JOGO

A partida começou bastante fria, com se movimentando bastante nas zonas defensivas e nada fazendo ofensivamente, o United buscava o ataque nas jogadas pelas laterais, em especial com o Martial, que se movimentava com velocidade e drible, enquanto que o Everton buscava mais a jogadas criadas nos contra-ataque.

A primeira chance de gol surgiu aos 14 minutos, com o Everton na cabeçada do André Gomes, que o De Gea defendeu sem problemas, após cobrança de escanteio. O United teve seu primeiro lance de perigo, com o Juan Mata aos 19 minutos, aproveitando o cruzamento do Martial e cabeceando com perigo para o Pickford fazer boa defesa.

Aos poucos os rede devils começaram a controla a partida e voltaram a atacar com perigo aos 22 minutos, Martial recebeu na ponta esquerda, avançou e chutou de fora da área, para mais uma boa defesa do Pickford. O placar foi aberto aos 27 minutos, após Martial ser derrubado dentro da área por Gana, o pênalti foi marcado, Pogba cobrou no lado direito, Pickford defendeu, mas o francês aproveitou o rebote e marcou.

O United até chegou ao segundo gol com Rashford, aproveitando o rebote do chute do Pogba, mas estava impedido. Com a desvantagem no placar, o Everton partiu para o ataque e chegou com perigo, aos 37 minutos, após Coleman cruzar e Sigurdsson cabecear sem perigo para a defesa do De Gea.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou com Everton pressionando, mas que marcou foi o United aos 48 minutos, Pogba deu passe para Martial que chutou colocado da entrada da área, acertando um belo chute no canto esquerdo do Pickford, que não teve como defender. Dois minutos depois, Bernard teve a oportunidade de diminuir a desvantagem, Richarlison deu passe em profundidade, o brasileiro conseguiu driblar o De Gea, mas acabou chutando na rede pelo lado de fora.

Com uma defesa bem organizada e com velocidade no contra-ataque, o United continuou pressionando e por muito pouco não marcou com Rashford, aos 53 minutos, o camisa 10 recebeu passe e avançou sozinho, mas teve a finalização defendida pelo Pickford. Pogba foi outro que parou na defesa do goleiro adversário, aos 57 minutos recebeu lançamento do Mata e chutou com perigo, mas o Pickford conseguiu defender.

Quando a partida passou a mostrar que o placar não seria alterado, eis que o Everton conseguiu marcar aos 76 minutos, Richarlison invadiu a área e foi derrubado por Smalling, Sigurdsson cobrou o pênalti sem chance de defesa para o De Gea. O United foi controlando o resultado e quase ampliou com Martial, que teve a chance de marcar aos 93 minutos, após receber passe em profundidade do Fred e ficar sozinho com o Pickford, mas acabou finalizando em cima do goleiro do Everton.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea, Young, Smalling, Lindelof, Shaw; Matic, Pogba, Fred (Lingard 90′), Mata (Herrera 85′), Rashford (Lukaku 65′) e Martial

Everton: Pickford, Coleman, Keane, Zouma, Digne, Gomes, Sigurdsson, Bernard (Lookman 62′), Walcott (Calvert-Lewin 77′), Gueye (Tosun 77′) e Richarlison

Gols

Manchester United: Pogba (27′) e Martial (48′)
Everton: Sigurdsson (76′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Smalling (20′) e Matic (39′)
Everton: Gueye (22′)

Comentários