Competições

» PRÉ-JOGO

A fase do Louis van Gaal não é dos melhores, já não bastasse o momento turbulento vivido pelo clube, pressão dos torcedores e da imprensa, o holandês teve que aturar mais um desfalque para a partida. De Gea se contundiu durante o aquecimento dos goleiros, o espanhol é o 13º jogador contundido no elenco red devil.

» O JOGO

Se aproveitando dos desfalques do United, o Midtjylland avançou a marcação e não deu brechas para o adversário, porém não conseguiu criar jogadas que levassem perigo à meta red devil. E mesmo com o domínio adversário, quem primeiro atacou com perigo foi o United, Lingard lançou para Memphis, que dentro da área chutou de primeira, mas viu Kian Hansen dar um carrinho certeiro para afastar o perigo, em jogada que gerou escanteio para o United, aos 7 minutos.

Na cobrança, Blind deu passe rasteiro para Juan Mata, o espanhol arriscou o chute, mas o goleiro Andersen fez boa defesa. Após os sustos, os donos da casa partiram para o ataque e só não marcaram, porque o goleiro Romero fez ótima defesa na cabeçada de Kian Hansen, após cobrança de escanteio, aos 10 minutos. Os jogadores do United ficaram reclamando uma não marcação de pênalti sobre o Martial, aos 23 minutos, após o atacante invadir a área e ser derrubado pelo polivalente Hansen.

Kadlec perdeu a chance de abrir o placar, aos 35 minutos, após Sparv afastar uma bola da área e acabar dando ótimo passe em profundidade, para o meio-campista que em velocidade, partiu do círculo central até a grande área do United, porém chutou em cima do goleiro Romero. Um minuto depois, Romero cobrou o impedimento e viu Martial dar passe para Lingard avançar pela linha de fundo e cruzar para Memphis, que mesmo caído conseguiu dominar a bola e abrir o placar aos 36 minutos.

Contudo a alegria do United não durou muito, Carrick tocou errado e deu passe para Sisto, que avançou, se livrou da marcação de dois jogadores do United e chutou da entrada da área, a bola ainda desviou no zagueiro Smalling antes de ir para o canto esquerdo do goleiro Romero, aos 43 minutos.

» SEGUNDO TEMPO

O United voltou mais ofensivo para a segunda etapa, quase marcando logo aos 47 minutos, quando Martial fez bela jogada pela esquerda e deu passe para Lingard, que chutou deu uma péssima finalização por cima do gol adversário. Sisto foi o responsável pela primeira investida do Midtjylland na segunda etapa, aos 52 minutos, porém não assustou com o chute de fora área, que foi tranquilamente defendido por Romero.

No mesmo minuto, Memphis avançou pela lado esquerdo e cruzou para Mata, porém a cabeçada do camisa 8 não levou perigo ao gol adversário. Dois minutos depois, Herrera deu ótimo lançamento para Lingard, que novamente perdeu mais uma oportunidade de deixar o United em vantagem, ao chutar de primeira e acertar o travessão.

A resposta do Midtjylland veio com Onuachu, aos 61 minutos, ao aproveitar o ótimo cruzamento do Olsson e cabecear com perigo, porém o argentino Romero fez ótima defesa e salvou o United de sofrer a virada. Durante alguns minutos o United conseguiu controlar a partida, porém não conseguia ser eficiente no ataque.

A equipe dinamarquesa foi conquistando espaço e pressionando os comandados do van Gaal, até que aos 76 minutos, Onuachu aproveitou a bola não afastada por Juan Mata e chutou da entrada da área para garantir a surpreendente vitória do time da casa, pela primeira partida válida pela fase de 16 avos da Europa League.

» MELHORES MOMENTOS

Detalhes

Escalações

Midtjylland: Andersen, Rømer, Kian, Bodurov, Novak, Kadlec (Royer 85′), Sparv, Olsson, Hassan (Urena 67′), Sisto e Pusic (Onuachu 61′).

Manchester United: Romero, Love, Smalling, McNair, Blind, Herrera (Schneiderlin 72′), Carrick, Lingard, Mata (Pereira 77′), Memphis e Martial.

Gols

Midtjylland: Sisto (44′) e Onuachu (77′)
Manchester United: Memphis (36′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Love (60′), Lingard (85′) e Smalling (93′)

Comentários