No derby dos primeiros colocados, Manchester City e United fizeram uma partida espetacular, cumprindo totalmente as expectativas no Etihad Stadium. Quem levou a melhor foi o time visitante, que com boa atuação venceu por 3-2 com direito a gol marcado no penúltimo minuto. O embate começou quente: faltas duras e provocação de ambos os lados.

Com bola rolando, os anfitriões dominavam facilmente as ações da partida, chegando a ficar com 80% de posse de bola. Porém, aos 16 minutos, o que parecia improvável aconteceu. Em contra-ataque tramado impecavelmente por Young e van Persie, Rooney recebeu na meia lua e esbanjando categoria bateu no cantinho de Joe Hart, 0-1. Com o gol veio o equilíbrio – o United cresceu. Aos 29, outro do Shrek; Rafael fez boa jogada pela direita e cruzou na medida para Rooney bater firme e ampliar o marcador, 0-2.  Após isso vimos o City tentando criar até o final da primeira etapa, mas sem sucesso, parando sempre na sólida defesa adversária.  

Segundo Tempo de polêmicas, gols, invasões e gol de van Persie

No segundo tempo o clima esquentou, aos 15, Young balançou as redes para o United em posição legal e foi marcado impedimento; na sequência o City fez boa jogada e diminuiu com Yaya Touré.  13 minutos depois, o mesmo Touré deixou três marcadores no chão e ia fazendo jogada espetacular pela esquerda quando o árbitro para o jogo pra mostrar cartão amarelo a Rooney, prejudicando o que poderia ser um ataque letal para os Citizens.

Faltando 4 minutos para o fim do tempo regulamentar, após bate-rebate na área, Zabaleta  bate com força, no cantinho, fazendo o Etihad Stadium explodir de felicidade. E quando o jogo ia se encaminhando ao fim com o empate, ele apareceu! Aos 48, Rafael sofre falta que Robin van Persie converte com excelência para dar números finais ao espetáculo.

Que jogo, meus amigos! Antes do apito final, torcedores do time da casa invadiram o gramado e tentaram agredir o árbitro e o goleiro Joe Hart – impedidos com intervenção policial. Os Devils agora abrem 6 pontos do vice líder Manchester City e 10 do terceiro colocado, o Chelsea. Mais uma vez foi provado que dinheiro não compra tradição. Manchester is Red!

Detalhes da Partida

Escalações

Manchester City: Joe Hart, Kompany (Kolo Touré 21′), Zabaleta, Clichy, Nastasic, Nasri, Barry, David Silva, Yaya Touré (Dzeko 84′), Agüero e Balotelli (Tevez 52′) .

Manchester United: De Gea, Rafael, Ferdinand, Evans (Smalling 49′), Evra, Carrick, Cleverley (Welbeck 88′), Valencia (Phil Jones 85′), Young, Rooney e van Persie.

Gols

Yaya Touré (60′) e Zabaleta (86′) – City

Rooney (16′ e 29′) e van Persie (92′) – United

Cartões Amarelo

Nasri (54′), Yaya Touré (75′), Tevez (89′) e Barry (95′) – City Ferdinand (62′), Rooney (73′) e Phil Jones (93′) – United

Por Lucas Filus
www.mufcbr.com

Comentários