sem-empolgar-united-vence-e-avanca-para-a-proxima-fase-da-copa-da-liga-inglesa

» PRÉ-JOGO

Pela terceira fase da Copa da Liga Inglesa, o United vence a equipe do Northampton Town pelo placar de 3×1 no Sixfields Stadium (jogo que marcou o recorde de público do estádio da equipe da terceira divisão inglesa, com quase 8 mil pessoas) e avança para a próxima fase da competição nacional jogando com uma equipe mista colocada por José Mourinho, que aproveitou a oportunidade para “rodar” o elenco.

» O JOGO

A partida iniciou com uma imposição do United, buscando afastar a má fase de qualquer maneira e chegou a primeira oportunidade clara de gol logo aos 6 minutos, chance incrível perdida por Wayne Rooney (que iniciou a partida atuando como centroavante).

A pressão inicial continuou, abusando de jogadas laterais, cruzamentos e lançamentos principalmente, o United se consolidava no ataque e o gol acabou saindo. Após uma recuada de bola feita pelo time da casa, a arbitragem marcou tiro livre indireto dentro da área, que foi batida por Rooney na barreira, mas Carrick aproveitou o rebote e abriu o placar.

Os Red Devils mantiveram a superioridade durante o primeiro tempo, não pela qualidade de jogo própria, mas sim pela dificuldade e inferioridade técnica do modesto time da terceira divisão recém promovido da quarta divisão. Sem um padrão de jogo definido, o jogo se arrastou durante a primeira etapa de forma pragmática, com um United superior na posse de bola mas não conseguindo efetuar arremates a gol.

Nos 10 minutos finais, o Northampton Town tentou agredir um pouco mais, conseguindo um chute no travessão e logo em seguida um pênalti (o segundo em dois jogos seguidos cometidos pelo United) que foi convertido e fez com que o time da casa chegasse ao empate no final dos primeiros 45 minutos.

» SEGUNDO TEMPO

Na segunda etapa o roteiro do início do jogo se repetiu. O United se lançando ao ataque de forma desordenada, abusando de jogadas aéreas, sem um padrão de jogo definido (mesmo que jogando com um time misto), porém pela inferioridade da equipe da casa, era quem se mostrava superior na partida.

Com o decorrer dos últimos 45 minutos, o United tentou tocar mais a bola, na maior parte do tempo muito próximo a área adversária, chegou a arriscar um chute de longe perigosíssimo com Ander Herrera que pegou na trave e após nova jogada por baixo poucos minutos depois desse arremate, o espanhol arriscou novamente de fora e foi feliz na conclusão, colocando os comandados de Mourinho na frente do placar novamente.

Como sempre iluminado, Rashford entrou no segundo tempo e deixou o dele pelo segundo jogo seguido, após um chute pro alto de Ander Herrera, ele foi de encontro com a bola e com uma ajuda do goleiro Adam Smith que furou a bola no lance, tomou a frente e ficou com o gol vazio para dar números finais ao jogo que colocou o United novamente no caminho das vitórias.

Detalhes

Escalações

Northampton: Smith, Moloney, Buchanan (c), Diamond, Revell, Gorre (Potter 66′), McCourt (Richards 73’), Hoskins, Beautyman (O’Toole 54’), Taylor.

Manchester United: Romero, Fosu-Mensah (Rashford 55’), Smalling, Blind, Rojo, Schneiderlin (Fellaini 73’), Carrick, Memphis (Ibrahimovic 55’), Herrera, Young, Rooney.

Gols

Northampton: Revell (42’)
Manchester United: Carrick (17’), Herrera (68’) e Rashford (75′)

Cartões Amarelos

Northampton: McCourt (47′) e Potter (89′)
Manchester United: Blind (74′)

Comentários