Competições

» O JOGO

Outra vez com uma equipe formada por jogadores considerados titulares, o United iniciou a partida com muito controle, até pelo fato da Inter ter entrado com vários jogadores jovens, o que fez com que a equipe italiana não conseguisse trocar passes e sair para o jogo. Apesar do controle, o United demorou até oferecer perigo ao adversário, Wan-Bissaka e James fizeram boa jogada pela direita, o camisa 21 cruzou e Pogba deixou para o Shaw, que arriscou o chute cruzado da esquerda, passando com perigo ao gol do Handanovic, aos 14 minutos.

Apesar do primeiro lance de perigo ter demorado para acontecer, os red devils criavam muitas jogadas pelo lado direito, graças a velocidade do Wan-Bissaka e do James,  deram muito trabalho ao lateral Dalbert Henrique. Quando a Inter reforçou seu lado esquerdo na defesa, o United inverteu o lado de suas investidas e levou perigo aos 23 minutos, quando Martial recebeu passe do James e chutou da entrada da área, mas o Handanovic defendeu sem dificuldades.

Enquanto buscava abrir o placar, o United diminuir o espaço do adversário, que enfrentava muitas dificuldades para passar do meio de campo e com mais poder ofensivo, teve uma boa oportunidade aos 36 minutos, quando Lindelöf avançou e deu passe para o James, que finalizou muito mal, mandando a bola. A Inter conseguiu seu primeiro lance de perigo aos 37 minutos, após cobrança curta de escanteio, Brozovic cruzou da esquerda, De Gea não conseguiu cortar e a bola sobrou com o D’Ambrosio que cabeceou pra fora.

» SEGUNDO TEMPO

Os times não mudaram na volta para a segunda etapa e o United voltou pressionando pelo lado esquerdo aos 48 minutos, Martial fez a jogada pela esquerda e cruzou rasteiro, Pogba fez o corta luz e Lingard chutou cruzado, o goleiro Handanovic não tentou a defesa, mas De Vrij afastou o perigo. Dois minutos depois, mais uma grande chance de abrir o placar, Matic aproveitou a cobrança de escanteio e cabeceou livre, contudo a bola parou na trave.

O ritmo da partida aumentou quando Solskjaer decidiu mudar todo o time, as entradas do Chong e do Greenwood fizeram com que o time criasse mais oportunidades, sempre com muita velocidade e cortes precisos pelas laterais e foi assim em uma jogada do Chong que teve início a jogada que permitiu a abertura do placar, o holandês tentou passou por um marcador e foi parado com falta no lado esquerdo de ataque, Young cobrou com muita força, Handanovic deu rebote e a bola sobrou com Greenwood, que limpou o marcador e chutou forte para estufar as redes aos 74 minutos.

A Internazionale sentiu o gol e apesar de mudar boa parte da equipe, sofria para criar boas oportunidades, o United ficou mais próximo a marcar o segundo gol do que sofrer o empate. Por muito pouco a vantagem não aumentou aos 79 minutos, após Chong passar pelo marcador e cruzou da esquerda, o Greenwood se antecipou e desviou a bola, que bateu na trave e saiu pela linha de fundo. O resultado foi a terceira vitória na pré-temporada, a primeira na International Champions Cup, onde o United ainda fará mais 2 partidas, o próximo adversário será o Tottenham.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea (Romero 62′), Wan-Bissaka (Dalot 62′), Tuanzebe (Bailly 62′), Lindelof (Jones 57′), Shaw (Young 62′), Matic (McTominay 62′), Pogba (Fred 62′), James (Andreas 62′), Lingard (Mata 62′), Martial (Chong 62′) (Gomes 89′) e Rashford (Greenwood 62′)

Internazionale: Handanovic, De Vrij (Ranocchia 73′), Dalbert (Pirola 73′), D’Ambrosio, Skriniar, Gagliardini (Barella 73′), Sensi (Mario 73′), Brozovic, Longo (Perisic 46′), Candreva (Agoume 85′) e Esposito (Colidio 85′)

Gol

Manchester United: Greenwood (74′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Andreas Pereira (89′)

Internazionale: Brozovic (26′), Candreva (70′) e Skriniar (86′)

Comentários