Competições

» O JOGO

Diferente da primeira partida da TOUR 2019, o United iniciou a partida com uma equipe com mais jogadores considerados titulares, deixando a equipe mais técnica e que quase abriu o placar no primeiro minuto de jogo, quando Lindelöf avançou do meio de campo até a área adversária e deu passe para Rashford, que chutou cruzado e acertou a trave. Após o primeiro lance de perigo, o United passou a controlar a partida com muitas trocas de passes, enquanto que o Leeds buscava não deixar espaço para o adversário, porém aos 6 minutos permitiu uma investida pelo lado esquerdo da defesa e Wan-Bissaka, que havia recebido passe do Pogba, cruzou para dentro da área e o jovem Greenwood abriu o placar.

Após abrir o placar, o United continuou trocando muitos passes e os jogadores passaram a trocar de posições para manter a troca de passes e buscar abrir espaço na zaga adversária. Com o controle da partida, os red devils chegaram próximo de aumentar o placar com Pogba em uma cobrança de falta aos 13 minutos e no minuto seguinte após receber passe do Wan-Bissaka e chutar cruzado, mas que foi defendido pelo Kiko Casilla.

O Leeds conseguiu seu primeiro lance de perigo aos 20 minutos com Harrison, que avançou pela esquerda, invadiu a área e chutou com perigo, mas para fora. Outra oportunidade aconteceu aos 24 minutos, Pablo Hernández aproveitou o passe errado do Pogba, avançou até a área, mas finalizou com pouca força. No minuto seguinte, Bamford recebeu livre na área, tentou chutar colocado, mas a bola bateu no pé do Romero.

O United chegou ao segundo gol aos 26 minutos, McTominay recuperou a bola na frente da área red devil, avançou e tocou para Rashford, que se livrou de dois marcadores e finalizou sem chances para o Kiko Casilla. O ritmo da partida aumentou nos minutos finais, com boas chances criadas por ambas equipes a melhor dela foi dos comandados do Solskjaer aos 42 minutos, quando Daniel James recebeu passe do Rashford, chutou cruzado e acertou a trave.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou com um equipe red devil totalmente nova em campo, mas que ainda tinha o domínio da equipe da primeira etapa e que chegou com perigo aos 50 minutos com Andreas Pereira, que recebeu passe do Young e chutou da entrada da área, mas o goleiro Kiko Casilla colocou a bola para fora. A cobrança de escanteio resultou no terceiro gol red devil, Pereira mandou a bola na pequena área e Phil Jones apareceu para desviar de cabeça.

A vantagem no placar e na técnica mantinha o United com domínio da partida, que quase marcou com Angel Gomes, que recebeu passe do Lingard, fez boa jogada dentro da área, mas finalizou para fora aos 59 minutos. O quarto gol do United surgiu após uma bela jogada do Chong, deixando para trás 2 jogadores, além da tabela com Angel Gomes, quando o holandês tentou driblar mais um marcador, foi derrubado por Cooper, Martial foi para cobrança do pênalti e converteu cobrando no lado contrário ao escolhido pelo Kiko Casilla aos 69 minutos.

Mesmo com a imensa desvantagem no placar, o Leeds buscava pelo menos marcar um gol, mas tinha muita dificuldade em chegar na  área adversária, além de enfrentar dificuldade com a forte marcação red devil, que ainda mantinha um forte ritmo de jogo, que teve sua última grande oportunidade aos 83 minutos, com Lingard que ficou com a bola recuperada pelo Garner e chutou da entrada da área, apesar do perigo a bola saiu pela linha de fundo.

Detalhes

Escalações

Manchester United: Romero (Joel Pereira 45′), Wan-Bissaka (Dalot 45′), Bailly (Smalling 45′), Lindelöf (Jones 45′), Rojo (Young 45′); McTominay (Matic (45′) (Garner 78′)), Pogba (Andreas Pereira 45′), Greenwood (Chong 45′), Mata (Gomes 45′), James (Lingard 45′) e Rashford (Martial 45′)

Leeds United: Casilla, Douglas, Forshaw, Cooper, Roofe, Bamford (Bogusz 63), Dallas (Hossanah 66), Hernandez (Stevens 77), Harrison, Phillips e Berardi

Gols

Manchester United: Greenwood (6′), Rashford (26′), Jones (50′) e Martial (69′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Young (93′)
Leeds United: Phillips (35′)

Comentários