Competições

» O JOGO

Após o empate por 1×1 na primeira partida, o United recebeu o Brugge na busca pela vaga nas oitavas de final da Europa League. A vitória na última partida da Premier League aparentemente deixou a equipe red devil mais animada para o confronto. Logo aos 2 minutos, Juan Mata aproveitou o passe do Fred e chutou forte, mas que parou na defesa do Mignolet, no mesmo minuto em contra-ataque, Ighalo deu passe na entrada da área para o Bruno Fernandes chutar e acertar a trave após desvio do Mignolet. Os comandados do Solskjaer dominaram os primeiros minutos, chegando com perigo e criando muitas oportunidades graças ao Bruno Fernandes.

A equipe belga conseguiu sua primeira finalização apenas aos 10 minutos, com Rits tentando encobrir o Romero, após o argentino cortar um cruzamento, contudo a bola não ofereceu perigo. O United respondeu no minuto seguinte com Bruno Fernandes chutando cruzado e parando em mais uma boa defesa do Mignolet, após o Brugge se atrapalhar na saída de bola. O placar foi aberto aos 25 minutos, graças a um pênalti marcado aos 21 minutos, após Simon Deli cortar um chute do Daniel James com a mão dentro da área, após 4 minutos de revisão do VAR para confirmar o cartão vermelho, Bruno Fernandes foi para cobrança e abriu o placar cobrando no lado direito do Mignolet que pulou para o lado contrário.

Com um jogador a mais, a pressão red devil continuou e quase virou gol aos 32 minutos, McTominay encontrou Daniel James livre na esquerda e deu uma passe perfeito para o camisa 21, que arriscou o chute de primeira e acabou desperdiçando ao chutar para fora. O United ampliou aos 33 minutos com Ighalo após passe por alto do Bruno Fernandes para o Juan Mata, que tocou no meio da área para o nigeriano marcar seu primeiro gol com a camisa red devil. Aos 38 minutos mais uma chance do United, Ighalo recebeu passe do Daniel James, girou em cima da marcação e chutou cruzado, mas o Mignolet fez boa defesa. O terceiro gol red devil aconteceu aos 40 minutos, em nova falha na saída de bola, o Brugge entregou a bola para o United e o Fred deu passe para o McTominay chutar de fora da área com efeito e ampliar o placar.

» SEGUNDO TEMPO

A vantagem no placar e no número de jogadores em campo, permitiu que o United voltasse para segunda etapa para controlar a partida e ir gastando tempo até o final da partida. Solskjaer aproveitou e colocou Chong no lugar do Daniel James, entrando pelo lado esquerdo de ataque, que nos primeiros minutos foi responsável por um maior volume de jogo, entretanto com nenhuma jogada criada que pudesse oferecer uma chance de gol. As principais jogadas ainda aconteciam saindo dos pés do Bruno Fernandes, quase sempre procurando o Ighalo para fazer o papel de pivô.

Sem demostrar nenhuma reação, o Brugge abdicou de atacar e tentava evitar sofrer mais gols, o que deixava o United com mais posse de bola e consequentemente com total controle da partida. Com a classificação encaminhada e pensando no próximo confronto, Solskjaer substituiu Bruno Fernandes por Lingard aos 64 minutos, depois trocou McTominay por Greenwood. Apesar do controle na segunda etapa, o United conseguiu a primeira boa finalização apenas aos 77 minutos, com Greenwood arriscando o chute cruzado, que apesar de passar próximo ao gol, saiu pela linha de fundo.

Nos minutos finais o United conseguiu ampliar, primeiro aos 81 minutos, com Lingard cruzando pela esquerda e o brasileiro Fred com toda liberdade mandando para o fundo das redes. O quinto gol quase aconteceu aos 89 minutos, Chong invadiu a área e chutou cruzado, com a bola passando muito próximo a trave esquerda. Aos 92 minutos, foi inevitável o quinto gol, Fred recebeu passe do Chong e chutou da entrada sem chance para o Mignolet, terminando de garantir o avanço do United até as oitavas finais da Europa League.

Detalhes

Escalações

Manchester United: Romero, Wan-Bissaka, Bailly, Maguire, Shaw; Fred, McTominay (Greenwood 71′); Mata, Daniel James (Chong 45′), Bruno Fernandes (Lingard 64′) e Ighalo

Club Brugge: Mignolet, Mata (Mitrovic 61′), Mechele, Deli, Ricca; Kossounou, Rits (Ketelaere 78′), Vanaken; Tau (Diatta’), De Cuyper e Okereke

Gols

Manchester United: Bruno Fernandes (25′), Ighalo (33′), McTominay (40′) e Fred (81′ e 92′)

Cartão Vermelho

Club Brugge: Deli (21′)

Comentários