Competições

» O JOGO

Em partida da sétima rodada da Premier League, o Manchester United recebeu o Arsenal no Old Trafford buscando se recuperar da derrota na última rodada na competição. Apesar de ser confronto com equipes conhecidas por fazerem partidas históricas o que se viu foi um confronto repleto de passes errados, excesso de cruzamentos e faltas. As equipes conseguiam movimentar a bola, contudo não conseguiam acertar os últimos passes das jogadas ofensivas.

Os inúmeros erros de passes e o excesso de faltas fez com que as equipes não conseguissem finalizar até os 28 minutos, quando Andreas avançou do meio, driblou o Guendouzi e se livrou do David Luiz para chutar com perigo, contudo parando no Leno. O lance serviu de inspiração para o Arsenal, que respondeu no minuto seguinte com Saka cruzando da esquerda e Pépé finalizando por cima do gol. A qualidade da partida diminuía a cada minuto, principalmente pela alta quantidade de faltas.

A partida ganhou emoção nos minutos finais, aos 43 minutos, Pépé deu longo passe rasteiro para o Saka, após o Andreas Pereira não conseguir fazer o corte, avançar e chutar cruzado para o De Gea defender, a bola sobrou com o Guendouzi chutar e o goleiro espanhol defender mais uma vez. A pressão sofrida não assustou o United que abriu o placar no minuto seguinte, Andreas Pereira deu passe rasteiro para o Daniel James cruzar rasteiro, a bola chegou muito forte para o Rashford, que deu passe para a entrada da área, McTominay aproveitou e marcou um golaço no fim da primeira etapa.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa iniciou com boas movimentações e jogadas das duas equipes, mas ainda com poucas finalizações, os visitantes chegaram a ter uma boa oportunidade com Torreira, mas a finalização de voleio após cruzamento não saiu como esperado e o De Gea conseguiu defender sem problemas aos 51 minutos. Quando os erros pareciam terem dado uma trégua, o United errou e o Arsenal aproveitou para empatar aos 56 minutos, Tuanzebe tentou o passe para Lindelöf, mas entregou para o Saka que deu passe para o Aubameyang tirar do De Gea e marcar, o bandeirinha erroneamente marcou impedimento, contudo o VAR corrigiu o lance.

O empate fez com que os gunners gostassem da partida e por muito pouco não empataram quando Chambers cruzou rasteiro e o Saka chutou de primeira, a bola desviou e passou com perigo por cima do gol aos 59 minutos. O United esperou a partida normalizar e buscava pressionar com jogadas pela linha de fundo, aos 63 minutos Andreas Pereira tentou a jogada pelo lado direito do campo e teve um chute bloqueado pela defesa, a bola voltou para o Pogba tentar a finalização colocada, tirando do Leno, mas com a bola saindo pela linha de fundo rente a trave.

Com mais oportunidades, a equipe red devil conseguia criar oportunidades perigosas, mas a falta de pontaria não ajudava, como o que aconteceu aos 69 minutos, quando McTominay recebeu a cobrança de escanteio livre na pequena área, mas cabeceou por cima do gol. Com algumas jogadas ofensivas, a zaga subiu para tentar aproveitas os lances de bola alta, mas foi com um chute de um zagueiro que ofereceu perigo aos 73 minutos, Maguire recebeu passe do Andreas Pereira e soltou a bomba da entrada da área, obrigando o goleiro Leno a fazer grande defesa.

Solskjaer colocou Fred e Greenwood nos lugares de Lingar e Andreas Pereira, respectivamente. A equipe mudou o posicionamento dos jogadores de frente, mas as tentativas de cruzamentos não resultavam em finalizações. As duas equipes tiveram chances nos minutos finais, o United com Rashford cobrando falta da entrada da área, porém parando na grande defesa do Leno no canto esquerdo. O Arsenal teve oportunidade no minuto seguinte, com Nelson recebendo passe na entrada da área, mas chutando fraco, facilitando a defesa do De Gea. O resultado não foi bom para nenhuma equipe, mas sendo justo a péssima partida das equipes.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea; Tuanzebe, Lindelof, Maguire, Young; McTominay, Pogba; Andreas Pereira (Greenwood 73′), Lingard (Fred 73′), James e Rashford

Arsenal: Leno, Chambers, Sokratis, Luiz, Kolasinac, Guendouzi, Xhaka, Torreira (Ceballos 54′), Pépé (Nelson 73′), Saka (Willock 79′) e Aubameyang

Gols

Manchester United: McTominay (44′)

Arsenal: Aubameyang (56′)

Cartão Amarelo

Arsenal: Chambers (9′) e Xhaka (46′)

Manchester United: Rashford (26′), Andreas Pereira (31′), Young (40′) e Lingard (67′)

Comentários