» O JOGO

A partida começou com pressão dos citizens, que chegou na área com perigo em várias ocasiões, contudo as finalizações não levavam perigo ao De Gea. Com a ausência do Pogba, o United tinha enormes dificuldades em criar jogadas, inclusive não conseguindo fazer a ligação entre o meio de campo e o ataque.

O domínio era completo do City, que jogava com muita liberdade nas jogadas do Sterling e do Sané, que abusavam da velocidade pelas laterais. Os red devils buscavam o ataque nos erros do adversário, contudo Lukaku, Rashford e Martial não conseguima receber passe que o deixasse próximo ao gol defendido do Ederson.

O placar foi aberto aos 42 minutos, após cobrança de escanteio, Otamendi tocou de cabeça para o David Silva, que sem marcação e de frente com o De Gea, mandou para o fundo das redes. O empate do United veio aos 46 minutos, Young fez longo lançamento, a zaga do City não conseguiu ficar com a bola e Rashford chutou cruzado para igualar o placar.

» SEGUNDO TEMPO

Na volta para a segunda etapa o United voltou pressionando, contudo foi o City que voltou a ficar em vantagem no placar, aos 53 minutos, após cobrança de falta, Lukaku chutou a bola que bateu nas costas do Smalling e voltou para Otamendi, que sozinho mandou para o fundo das redes.

Com a desvantagem no placar, o United tentava a todo custo o empate, contudo só conseguia chegar com perigo quando o City falhava nas jogadas no meio. Na primeira jogada de Lukaku aos 65 minutos, o belga recebeu pela direita, dominou e chutou forte, mas a bola foi para fora.

Nos minutos finais, o lado azul de Manchester ficou mais perto de ampliar o placar do que o United empatar. Lukaku e Mata tiveram, na mesma jogada, a oportunidade de empatar, aos 83 minutos. Young cruzou para Lukaku, que primeira acabou acertando o rosto do goleiro brasileiro, o rebote ficou com Mata que também parou na boa defesa do goleiro adversário.

Com a derrota, a desvantagem em relação ao City chegou aos 11 pontos na Premier League, que será muito difícil de ser revertida.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea; Valencia, Smalling, Rojo (Lindelof 45′), Young; Matic, Herrera (Mata 82′); Rashford, Lingard (Ibrahimovic 76′), Martial e Lukaku

Manchester City: Ederson, Walker, Kompany (Gundogan 45′), Otamendi, Delph; Fernandinho, De Bruyne, David Silva; Sterling, Jesus (Mangala 59′) e Sane (Bernardo Silva 88′)

Gols

Manchester United: Rashford (46′)
Manchester City: David Silva (42′) e Otamendi (53′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Rojo (36′), Rashford (63′), Herrera (79′) e Young (90′)
Manchester City: walker (4′) e David Silva (73′)

Comentários