Competições

» O JOGO

Escalado com um meio campo mais cascudo com Carrick e Schweisteiger de titulares e um ataque mais jovem com Martial e Lingard, os Red Devils começaram bem e logo aos 3’ de jogo chegou assustando a meta russa. O jogo desta terça (03) não era apenas um simples jogo, vários fatores contribuíam para que tudo fosse mal, um deles era a incomoda convivência com 3 jogos seguidos sem marcar e acima de tudo sem conseguir criar se quer chances reais de gol.

Apesar de controlar plenamente as ações o United pouco ameaçava, chegava apenas por chutes tortos que mal assustava o goleiro do CSKA e com o time todo na frente quase levou o gol (que não saiu graças a De Gea, Young e Smalling) em um contra-ataque mortal. O jogo inteiro o United manteve-se no campo de ataque, enquanto o CSKA jogava apenas nos erros cometidos na troca de passe da equipe mandante, com a posse de bola bem superior e com muitos erros de passe a equipe Red Devil além da marcação forte do time russo parava nos próprios erros. Pressionado por não marcar a 3 jogos o United tentava de todas as maneiras abrir o placar e a mais constante delas era os cruzamentos na área que não surtiam muito efeito (ironia, já que o gol saiu de cruzamento).

Após pressionar o time russo com diversos cruzamentos na área Rojo rouba a bola no campo de ataque fazendo-a chegar até os pés de Carrick que em um ótimo lançamento encontrou Lingard no lado direito da grande área, o garoto sem mesmo dominar acionou Wayne Rooney que complementou de cabeça para o fundo das redes russas abrindo o placar. Pouco tempo após marcar o primeiro o United quase ampliou o marcador,mas o chute do garoto Lingard parou na boa defesa do goleiro da representação russa. Após o jogo e com a vitória o United assumiu a liderança isolada do Grupo B com 7 pontos.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea, Young, Smalling, Blind, Rojo, Schweinsteiger (Herrera 88′), Carrick, Lingard, Mata (Memphis 73′), Martial (Fellaini 66′) e Rooney

CSKA Moscow:  Akinfeev, Ferdnandes, Wenbloom, Ignashevich, Berezutski, Tosic (Golovin), Dzagoev, Musa, Milanov, Schennikov e Natcho (Doumbia 55′)

Gols

Manchester United: Wayne Rooney (79′)

Cartões Amarelos

CSKA Moscou: Schennikov (20′), Wernbloom(60′)

Por Guilherme Valeriano
www.mufcbr.com

Comentários