O Jogo

Com uma equipe repleta de jogadores reservas o United pouco criou durante os primeiros 10 minutos, o destaque foi um lançamento de Januzaj para Henriquez, o camisa 21 bateu na saída do goleiro Beto fez grande defesa. O Sevilla não lembrava aquela equipe que chegou a ser a terceira força do Campeonato espanhol, mas teve uma movimentação maior e chegou ao ataque mais vezes que o United durante os primeiros minutos.

O United conseguiu chegar novamente com perigo, com Büttner, após receber bela lançamento de Cleverley, o holandês chutou de fora da área, obrigando o goleiro defender em dois lances. Mesmo com a pressão do United, foi o Sevilla quem abriu o placar aos 20 minutos, depois da bela troca de passes Perotti recebeu e chutou de cavadinha na saída de De Gea.

Quatro minutos depois o Sevilla ampliou o placar, com Marín, jogador do Chelsea emprestado ao Sevilla. O time espanhol avançou com Marín e após triangulação, Perotti devolveu para o camisa 7, livre mandar para o fundo da rede. O United respondeu na bela arrancada do brasileiro Anderson, que após algumas trocas de passe, ficou com Kagawa, que se atrapalhou na hora do domínio e chutou em cima do goleiro Beto, que desviou para escanteio.

O Sevilla voltou a assustar o United, no chute de Marín, que deviou em De Gea e bateu na trave.  Valencia tentou descontar para o United, mas depois de receber cruzamento e limpar os marcadores, acabou chutando pra muito longe do gol.

Segundo tempo

Na volta para a etapa final, o primeiro ataque com perigo do united foi com Januzaj que recebeu passe, cortou o marcador e chutou cruzado, mas a bola foi por cima da meta da equipe espanhola. Os times não apresentavam o mesmo ritmo de jogo e a partida ficou morna. Aos 65 minutos, o United conseguiu diminuir o placar, após Januzaj arriscar chute de fora da área e Beto rebotar para lateral, o camisa 44 fez o cruzamento e Valencia completou para o gol.

O empate não saiu por muito pouco aos 75 minutos, após Rafael fazer cruzamento rasteiro e a bola passar por atravessar a área e Lingard se jogar para tentar desviar, mas o camisa 35 chegou atrasado na bola. O United passou a pressionar e atacar o Sevilla, dois minutos após o lance de Lingard, o time estava tentando o empate a todo custo, mas os chutes de Valencia e Carrick, pararam no goleiro beto, já a tentativa de Büttner parou na zaga.

Zaha em grande jogada aos 87, quase empatou após dirblar o marcador ele ainda tentou tocar, mas a bola bateu no marcador e voltou para o camisa 29 arriscar o chute de fora da área. O United tentou o empate, mas quem marcou foi o Sevilla, após Kevin Gameiro tocar de calcanhar para Rabello mandar para o fundo do gol de De Gea aos 90 minutos.

Pós-Jogo

O United encerrou a série de amistosos com 2 vitórias, 2 empates e 3 derrotas. Não podemos avaliar o time pelos amistosos, já que atuamos com vários reservas em todas as partidas, porém podemos destacar o bom futebol de jogadores como: Januzaj, Lingard, Zaha e Büttner. Domingo o Manchester United irá enfrentar o Wigan, pela disputa da Community Shield, a partida será às 10:00h horário de Brasília.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea; Fabio, Ferdinand (Evans 82′), Smalling, Büttner; Valencia (Zaha 65′), Cleverley (Jones 46′), Anderson (Carrick 65′), Kagawa (Giggs 65′), Januzaj e Henriquez (Lingard 46′)

Sevilla: Beto; Figueiras, Fazio, Pareja (Puerto 56′), Moreno; Vitolo (Samperio 71′), Kondogbia, Medel (Guarante 81′), Perotti; Marin e Bacca (Rabello 78′).

Gols

United: Valencia (64′)
Sevilla: Vitolo (21′), Marin (25′) e Rabello (91′)

Por Anderson dos Santos
www.mufcbr.com

Comentários