mandzukic-vs-man-utd

Pré-jogo

Na noite do dia 9 de abril, o Manchester United foi até Munique enfrentar o Bayern de Munique em partida válida pela 2ª mão das quartas-de-final da Champions League. A partida de ida em Old Trafford terminou 1×1.

O jogo

O Manchester United era tido como ‘zebra’ da competição, enquanto o Bayern era franco favorito. O favoritismo refletiu em campo, o United tomava conta da partida enquanto o United se defendia.

O Bayern teve boas chances no primeiro tempo, principalmente com Arjen Robben. Porém, quando a finalização não era errada, parava na defesa bem postada dos Red devils.

O United parecia adormecido, mas levou susto ao Bayern. Aos 17′ Valencia marcou o gol, porém o árbitro Jonas Eriksson anulou devido a posição irregular do equatoriano. O primeiro tempo não foi tão complicado para o Manchester United. A proposta de jogo do time mancuniano, até então, estava sendo concretizada

Segundo Tempo

A segunda etapa começou como terminou a primeira, com Bayern no ataque. Mas a equipe bávara continuava com o problema de acertar o alvo. Já que o Bayern não conseguia, o United tratou de mostrar que é sim um gigante. Em poucos minutos o United tomou conta da partida e posso dizer que por 15 minutos o Manchester United deixou o Bayern na roda. Atacava e não corria nenhum risco.

A primeira chance do United veio aos 55′, Kagawa arriscou de fora da área e Neuer fez defesa fácil. Mas logo em seguida a torcida do United entrou em extâse. Valencia fez jogada individual pela direita e cruzou, Evra arrematou de primeira e o chute foi no ângulo, indefensável para Neuer. Era o sonho se tornando realidade.

Porém, os Diabos logo voltaram ao inferno. Logo após o gol de Evra, o Bayern foi ao ataque e Mario Mandzukic empatou para a equipe alemã após cruzamento de Riberý.

O placar de 1×1 levava a partida para a prorrogação. Se o United fizesse mais um gol, obrigava o Bayern a fazer dois gols para virar a partida. Pois o empate de 2×2 dava a vaga ao United pelo critério de gols marcados fora de casa.

O United esteve muito perto de marcar esse gol aos 62′. Welbeck fez jogada individual, invadiu a área e rolou rasteiro para Rooney que tinha espaço e um gol aberto para finalizar, mas o ‘Shrek’ pegou errado e muito fraco na bola perdendo a última chance de ouro do United na partida. A partir daí só deu Bayern.

Aos 63′ Gotze se antecipou a Smalling e cabeceou para a defesa de De Gea. Mas aos 69′ não teve jeito. Robben invadiu a área e de pé direito cruzou rasteiro para Muller, que deixou Vidic para trás, virar o jogo.

E é claro que o gol de Robben, eleito o melhor da partida, não poderia faltar. Aos 76′ bem ao seu estilo, o Holandês foi puxando a bola da direita para o meio e finalizou, a bola desviou levemente no pé de Vidic e matou o goleiro De Gea. 3×1 e Bayern nas semifinais da Champions League.

Pós-jogo

Declarações pós-jogo no twitter
Coluna sobre a partida

Detalhes

Escalações

Bayern de Munique: Neuer; Lahm, Boateng, Dante, Alaba; Ribery, Müller (Pizarro 84), Kroos, Götze (Rafinha, 65), Robben e Mandžukić

Manchester United: De Gea; Jones, Smalling, Vidic, Evra; Fletcher (Hernandez 74), Carrick; Valencia, Rooney, Kagawa e Welbeck (Januzaj 81)

Gols

Bayern de Munique: Mandzukic (59’), Müller (69’) e Robben (76’)
Manchester United: Patrice Evra (57’)

Cartões amarelos

Bayern de Munique: Rafinha (73′)
Manchester United: Vidic (28′) e Evra (70′)

Por Walter Junior
www.mufcbr.com

Comentários