Pré-Jogo

19/05/2013, um dia marcado por aposentadorias. Sir Alex Ferguson e Paul Scholes, novamente, realizarão a última partida pelo United. Ambas equipes entraram em campo sem pretensões. A parte emocionante foi quando a torcida do West Bromwich aplaudiu Sir Alex Ferguson, durante a entrada do escocês em campo.

O Jogo

A partida começou morna, já que as equipes não almejavam nada na Premier League, mas aos 5 minutos, após contra-ataque iniciado por Büttner,que fez belo lançamento para Chicharito na ponta direita, o mexicano dominou e cruzou para o meio da área, encontrando Kagawa livre para cabeçear livre e abrir o placar no estádio The Hawthorns.

Depois do gol, o United passou a dominar a partida com troca de passes e pressionando a saída de bola do West Brom. Em cada ida ao ataque, os red devils chegavam com perigo. E em um dos ataques, o United ampliou o placar aos 9 minutos, após Valencia tentar o cruzamento rasteiro, o zagueiro Olsson desviou para o gol, fazendo gol contra.

A partida voltou a ficar morna, uma vez que o United recuou mais a marcação e o West Brow não conseguia passar do meio de campo, mesmo tendo mais liberdade no setor de criação. Com as principais jogadas sendo criadas pelo setor direito, principalmente, nas tentativas de cruzamento do Valencia, mas o terceiro gol veio do lado esquerdo, porém teve início pelo lado direito, após passe de calcanhar de Chicharito, Cleverley rolou para Büttner chutar cruzado, marcando o terceiro gol do United aos 30 minutos.Após sofrer o terceiro gol, alguns torcedores do West Brom começaram a antecipar o lanche durante o intervalo e alguns decidiram ir para casa.

Se não fosse a falta de pontaria do Chicharito, o United poderia ter marcado o quarto gol, após Anderson lançar a bola próximo a linha de fundo e Valencia tocar no meio da área para o mexicano que pegou mal na bola e perdeu o gol, mas quem acabou marcando foi o West Brow, após cruzamento de Dorrans, Morrison antecipou a marcação de Jones e desviou a bola para o fundo das redes do Lindegaard.

Chicharito ainda tentou tentou ampliar o placar antes do fim da primeira etapa, mas parou em duas, seguidas, e belas defesas do Ben Foster.

Segundo Tempo dos últimos 45 minutos de Sir Alex Ferguson

A partida reinicou da mesma maneira que começou, com as equipe pouco criando nos primeiros minutos, mas o gol acabou saindo aos 50 minutos, Lukaku chutou colocado e rasteiro de fora da área e Lindegaard aceitou. Quatro minutos depois o Manchester United voltou a aumentar a vantagem no placar, depois de equatoriano Valencia cruzar rasteiro e van Persie se jogar e desviar a bola para o gol, marcando o 4 gol do United e seu 30º na temporada. Com o gol, os Red Devils voltaram a ter o controle da partida, mas com West Brom sempre pressionando e com perigo.

Com a vantagem no placar e domínio da partida, Ferguson decidiu colocar Giggs no lugar de Cleverley, a mudança deu certo e 3 minutos depois, kagawa lançou para Giggs, que cruzou rasteiro para Chicharito desviar e marcar o 5º gol do Manchester United. Já sem a mesma pressão do West Brom, Ferguson decidiu colocar Scholes em campo, para se aposentar pela segunda vez e em definitivo.

O United sempre atacava com perigo, mas sem chances reais de gol, diferente do West Bromwich, que sempre chegava com muito perigo e chances muito claras de gol. Em uma delas após cobrança de escanteio, Olsson ficou sozinho com a bola e mesmo estando de frente para o gol, conseguiu chutar pra fora.

O United conseguiu manter o dominio da partida até os 80 minutos, quando teve início a reação e o empate histórico do WBA, o primeiro gol da reação veio aos 80 minutos com o passe de Rosenberg, que fez belo lançamento para Lukaku chutar e marcar o gol na saída de Lindegaard. 51 segundo depois o WBA voltou a marcar depois de um famoso “one, two” entre Mulumbu e Jones, que resultou no gol de Mulumbu, após chutar cruzado.

Com os gols, Ferguson colocou Ferdinand no lugar de Evans, mas de anda adiantou e 3 minutos depois Lukaku empatou a partida. Dorrans fez belo lançamento para Mulumbu que tentou chutar, a bola sobrou com Lukaku que chutou em cima de Lindegaard, no rebote a bola bateu em Lukaku e foi para o gol.

Empate decepcionante na despedida de Sir Alex Ferguson, mas que para o futebol foi muito emocionante. Após 26 anos, 5 meses, 159 dias ou 1500 jogos, 896 vitórias, 337 empates, 267 derrotas, 2.767 gols marcados (média de 1.84 gols por partida), 1.364 gols sofridos (média de 0.91 gol por partida), 38 títulos, 104 contratações, 144 adversários diferentes, 99 jogos na Champions League e um ÚNICO CHICLETE, chega ao fim a era de Sir Alex Ferguson…

DETALHES

Escalações

West Bromwich: Foster, Jones, McAuley, Olsson, Ridgewell (Lukaku 45′), Yacob, Mulumbu, Dorrans, Morrison (Fortune 79′), Brunt e Long (Rosenberg 79′)

Manchester United: Lindegaard, Valencia, Jones (Ferdinand 83′), Evans e Buttner, Cleverley (Giggs 60′), Carrick, Anderson e Kagawa (Scholes 69′), van Persie e Chicharito.

Gols

West Bromwich: Morrison (40′), Lukaku (50′, 80′ e 86′) e Mulumbu (81′)

Manchester United: Kagawa (6′), Olsson G.C.(9′), Büttner (30′), van Persie (53′) e Chicharito (63′)

Cartão Amarelo

Manchester United: Scholes (83′)

Por Anderson dos Santos
www.mufcbr.com

Comentários