Competições

» O JOGO

A partida começou o United pressionando e quase marcando com apenas 36 segundos, Pogba recebeu do Young e deu passe em profundidade para o Rashford, o camisa 10 avançou e acertou o travessão. A pressão red devil continuou com posse de bola, troca de passes e chegadas ao ataque, o Barcelona não conseguia passar do meio de campo. Contudo, tudo mudou quando os catalães conseguiram jogar, aos 10 minutos, o árbitro marcou pênalti para o Barcelona, o VAR foi acionado e o lance foi anulado.

O confronto estava equilibrado, até aos 15 minutos, Young errou a saída de bola, Fred não conseguiu roubar a bola do Messi, que puxou para o meio e chutou colocado de fora da área, o De Gea não conseguiu fazer a defesa. O gol caiu como balde de água fria no United, principalmente após aos 19 minutos, Messi ampliou, o Barcelona recuperou a bola na frente da zaga do United, Messi recebeu e finalizou de fora da área, De Gea em uma falha incrível, não segurou a bola.

A desvantagem no placar e o melhor momento do Barcelona deixou o United perdido em campo, não conseguindo sair da sua zona defensiva, inclusive sendo bastante pressionado pelo adversário. Quase marcando aos 46 minutos, Messi fez grande jogada deu passe para o Alba que cruzou para o Sergi Roberto chutar e parar na grande defesa do De Gea, na sequência da jogada, a zaga red devil conseguiu afastar o perigo.
O confronto estava equilibrado, até aos 15 minutos, Young errou a saída de bola, Fred não conseguiu roubar a bola do Messi, que puxou para o meio e chutou colocado de fora da área, o De Gea não conseguiu fazer a defesa. O gol caiu como balde de água fria no United, principalmente após aos 19 minutos, Messi ampliou, o Barcelona recuperou a bola na frente da zaga do United, Messi recebeu e finalizou de fora da área, De Gea em uma falha incrível, não segurou a bola.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou pressão do Barcelona, que quase ampliou aos 47 minutos, Suárez recebeu na esquerda e deu passe o Messi chutar, Young desviou e a bola passou com perigo. Os comandados do Solskjaer não conseguiam jogar e ainda viu o Barcelona marcar o terceiro gol aos 60 minutos, Coutinho recebeu passe do Alba e chutou de fora da área, marcando um golaço. Três minutos depois, Busquets levantou a bola na área, Jones cortou e a bola sobrou com o Messi, que arriscou uma bicicleta, mas a bola saiu pela linha de fundo.

O gol fez o United recuar suas linhas e jogar ainda mais defensivo após a entrada do Dalot no lugar do Martial. As equipes diminuíram seus ritmos, entretanto o Barcelona seguia dominando a partida, enquanto que o United aparentava não querer sofrer mais gols. As coisas mudaram nos minutos finais, aos 88 minutos, Semedo fez a jogada pela esquerda e deu passe para o Suárez, que se livrou da marcação do Fred e chutou da entrada da área, mas a bola só passou por cima do gol.

A melhor chance red devil aconteceu aos 89 minutos, Sánchez iniciou a jogada no meio, dando passe na ponta para o Dalot, o português cruzou e o chileno cabeceou com perigo, mas o Ter Stegen fez grande defesa. O último lance de perigo aconteceu aos 90 minutos, Messi recebeu dentro da área e chutou cruzado, mas o De Gea fez a defesa. Eliminado da Champions League, o United concentra suas forças para conquistar a vaga entre os quatros primeiros da Premier League e assim voltar a disputar a maior competição de clubes na próxima temporada.

Detalhes

Escalações

Barcelona: Ter Stegen, Sergi Roberto (Semedo 71′), Piqué, Lenglet, Alba; Busquets, Arthur (Vidal 75′), Rakitic; Coutinho (Dembelé 81′), Messi e Suárez

Manchester United: De Gea, Jones, Smalling, Lindelöf, Young; Fred, Pogba, McTominay, Lingard (Sánchez 80′); Martial (Dalot 65′) e Rashford (Lukaku 73′)

Gols

Barcelona: Messi (15′ e 19′) e Coutinho (63′)

Cartões Amarelos

Barcelona: Suárez (77′)

Comentários