ManchesterDerby

Dando continuidade as matérias especiais sobre o Manchester Derby, ontem começamos falando sobre os defensores de ambos times, clique aqui e veja a matéria. Hoje vamos falar sobre os meios-campistas, que são destaques em ambas equipes.

» VOLANTES
O número de jogos correspondem apenas a Premier League

Ambas equipes possuem ótimos volantes, De Jong e Yaya Touré noa lado azul, e Scholes e Park no time com mais títulos na história do Campeonato Inglês. Vamos começar analisando os jogadores do City.

De Jong e Yaya Touré, formam uma das maiores duplas de volantes do mundo, porém o holandês De Jong é internacionalmente conhecido como um jogador desleal e agressivo, além da faltas violentas cometidas na final da última Copa do Mundo o holandês ainda quebrou a perna do francês Ben Arfa no ano de 2010. Além das faltas e deslealdade em campo o volante é conhecido por marcar com muita força. Já o marfinense Touré é um volante diferenciado, pois ataca, defende, toca e chuta muito bem, além de ajudar a equipe em jogadas áreas.
Scholes e Park, já formaram a melhor dupla de volantes do futebol inglês e mundial, mas a idade do Scholes e algumas lesões do Park acabaram prejudicando tanto os jogadores como o Manchester United. Analisar Paul Scholes é uma das tarefas mais prazerosas em relação ao United, o nosso vovó de 37 anos, já conquistou todos os títulos possíveis com a camisa dos red devils, com exceção para a Liga Europa. O jogador que havia se aposentado no fim da última temporada, voltou a vestir a camisa do United, devido ao grande número de lesões que a equipe sofreu, curiosamente o eterno camisa 18 voltou ao futebol contra o City, porém acabou falhando em um dos gols sofrido pelo o United, mas o time saiu vencedor.

O sul-coreano Park Ji-Sung também conquistou todos os títulos possíveis com a camisa do United, as diferenças entre Scholes e Park, é que o sul-coreano é um jogador mais defensivo e de não ser um jogador com chute tão forte, em relação ao inglês.

» MEIOS-CAMPISTAS
O número de jogos correspondem apenas a Premier League

Posição que merece destaque pelas habilidades dos jogadores de ambos times. Antes vamos esclarecer o fato do Valencia não está presente. Nas últimas partidas o equatoriano não vem se destacando, ao contrário, do Young e Nani. O português voltou de contusão e fez grande partida contra o Everton, já Young não participou da última partida, provavelmente, poupado para evitar possíveis contusões.

Nasri: outro ex-gunner no City, isso significa que existe um outro perdedor nos citizens, porém esse é diferente, pois vem mostrando um ótimo desempenho com a camisa do city e pode causar dor de cabeça ao Manchester United.

David Silva: considerados por muitos o melhor jogador do City na temporada, porém no segundo turno não vem apresentando o mesmo futebol, contudo o espanhol é sempre perigoso e pode surpreender a qualquer momento.

Ashley Young: O inglês começou sua primeira temporada com a camisa dos red devils de uma forma brilhante, marcando e dando passes para vários gols, além de criar grandes jogadas ofensivas, porém sofreu com algumas lesões e quando voltou de lesão teve que disputar posição tanto com o Valência como com o Nani.

Luis Nani: Sem sombras de dúvidas o melhor meio-campista após a saída do Cristiano Ronaldo. O português que na última temporada alternou entre partidas ótimas e ruins, e ainda não foi titular na final da Champions League, fato que quase fez com que o camisa 17 deixasse o time para a atual temporada. Porém, com a nova temporada o português acabou mostrando seu verdadeiro potencial e mostrou para Ferguson que deveria ser titular da equipe, com um ótimo começo de temporada que foi quebrado apenas pelas contusões, mas sempre que se recuperava mostrava belo futebol. Caso seja titular, o que não seria nenhuma surpresa, pode decidir a partida com suas assistências, gols ou belas criações de jogadas.

Por Anderson dos Santos
www.mufcbr.com

Comentários