Jackie Blanchflower e Johnny Berry ficaram feridos, de tal forma que tiveram que se aposentar do futebol. Kenny Morgans nunca mais foi o mesmo jogador que tinha sido antes do acidente. O técnico, Matt Busby ficou internado no hospital durante dois meses se recuperando das lesões múltiplas. Inicialmente, suas chances de sobreviver eram de 50%.

Enquanto Busby se recuperava no hospital, seu assistente, Jimmy Murphy assumiu o comando temporário da equipe (Murphy não foi para a Iugoslávia com a equipe, por que ele estava treinando a seleção do País de Galês contra a seleção de Israel). O United ainda disputou o Campeonato Inglês, após o acidente de Munique, porém vencendo apenas um doss seus últimos 14 jogos e terminando em nono lugar. No entanto, eles tiveram um bom desempenho na Copa da Inglaterra, chegando à final, porém perderam para o Bolton, por 2-0. No final da temporada, a UEFA ofereceu a The FA (Federação Inglesa) à oportunidade tanto do Manchester United e o eventual campeão Inglês, o Wolves, para disputarem a European Cup (Champions League) da temporada 1958-1959, como uma homenagem às vítimas do acidente, mas a FA recusou.

O período de reconstrução seguiu com várias contratações importantes, incluindo Albert Quixall, Setters Maurice, Denis Law, Pat Crerand, Cantwell Noel. Embora fossem investimentos de longo prazo, a chegada de “sangue novo” não conseguiu dar ânimo ao no campeonato. Formar a equipe era inconsistente, mas apesar da 19º colocação na temporada 1962-63, o United conseguiu vencer o Leicester City 3-1, em Wembley e conquistaram a FA Cup.

Depois do acidente, o apelido “Busby Babes” parecia inadequado, então um novo nome-apelido foi procurado. O time Inglês de Rugby, Salford tinha feito uma excursão pela França em 1930 vestindo camisas vermelhas e ficou conhecido como “The Red Devils”. Busby gostou do nome e pensou que um demônio era mais intimidador para os adversários do que “Bebês de Busby. Então, ele declarou que o Manchester United também deveria ser chamado de “The Red Devils”, e logo o clube começou a incorporar o logotipo diabo na programação dos jogos e cachecóis. Em 1973, o distintivo do clube foi redesenhado, mas agora com um demônio no centro segurando um tridente.

Conheça mais sobre a história do Manchester United:

<< Desastre de MuniqueCharlton, Law e Best >>