No United desde 2006 e com mais de 400 jogos, Michael Carrick revelou à “Sky Sports” que vê sua jornada chegando ao fim no clube. Com 35 anos, o volante foi realista sobre o seu futuro e analisou que depois da chegada Pogba suas chances diminuíram gradativamente, no Old Trafford.

“O United é um grande clube, com grandes jogadores e felizmente estou aqui nesta temporada. Vou jogar meu futebol e espero que possa ser mais utilizado nos próximos meses. Pois temos que nos esforçar para ter sucesso e ganhar troféus por isso que estamos aqui”, afirmou o inglês.

Preterido por Mourinho na maioria dos jogos, o jogador atua com mais frequência nos jogos de taça. Nas partidas da Premier League, o treinador português escolhe entre Fellaini ou Herrera para jogar na posição. Fato que fez o jogador repensar a carreira e analisar um novo horizonte no fim da temporada.

“Não quero fazer previsões sobre o que vai acontecer na próxima temporada. Nós não estamos no Natal ainda e eu só quero jogar o maior número de jogos. Porém, ver como estou me sentindo e como o corpo está sentindo, é o maior indicador de posso jogar em alto nível. Há um monte de coisas para entrar na equação, então eu não vou estar a fazer quaisquer julgamentos precipitados ainda. Mas eu tenho 35 agora e tenho que ser realista”, concluiu o jogador.

Comentários