De Gea foi escolhido para a equipe do ano da Premier League pela PFA (Professional Football Association) após outra temporada estelar no Manchester United. A forma consistente e brilhante do goleiro tem sido um fator-chave na corrida dos Red Devils por um lugar entre os dois primeiros colocados da Premier League, com suas inúmeras defesas fantásticas ajudando a equipe a conseguir pontos cruciais para a campanha.

O espanhol também foi indicado para o prêmio de Jogador do Ano da PFA e contou sua satisfação com o reconhecimento, embora ele tenha voltado seu foco para os objetivos da equipe.

De Gea: “Estou muito, muito orgulhoso de ser indicado novamente e acho que é um resultado de ter um bom ano com uma nota pessoal. Isso deixa você ainda mais orgulhoso quando sabe que seus colegas profissionais o nomearam. É realmente uma fonte de satisfação para mim. Estou satisfeito com a forma como as minhas atuações se deram. É uma pena que nesta temporada não tenhamos vencido um dos nossos grandes alvos em termos de troféus. Ainda temos a FA Cup à nossa frente e temos que garantir um troféu e não apenas um elogio pessoal”

É o quarto ano consecutivo que De Gea foi eleito para a equipe e sua quinta aparição em seis temporadas; sua impressionante corrida foi quebrada apenas pela inclusão de Petr Cech em 2013/14.

Quatro outros guardiões do United participaram da Equipe do Ano desde a sua criação em 1973/74: Peter Schmeichel (1992/93), Fabien Barthez (2000/01), Tim Howard (2003/04) e Edwin van der Sar (2006 / 07, 2008/09, 2010/11).

O único outro goleiro a igualar a nomeação de De Gea na Premier League é o ex-Crystal Palace, Leeds United e Everton, o Nigel Martyn, enquanto o recordista é Peter Shilton, com 10 inclusões.

Equipe da PFA Premier League do Ano de 2017/18:

Goleiro | David De Gea (Manchester United)
Lateral direito | Kyle Walker (Manchester City)
Zagueiro | Jan Vertonghen (Tottenham Hotspur)
Zagueiro | Nicolas Otamendi (Manchester City)
Lateral esquerdo | Marcos Alonso (Chelsea)
Meia | David Silva (Manchester City)
Meia | Kevin De Bruyne (Manchester City)
Meia | Christian Eriksen (Tottenham Hotspur)
Atacante | Harry Kane (Tottenham Hotspur)
Atacante | Mohamed Salah (Liverpool)
Atacante | Sergio Agüero (Manchester City)

Comentários