Notícias

Apesar de não ter conquistado nenhum título e ter ficado de fora da última Champions League, o Manchester United passou a ser o time mais valioso do mundo, sendo o primeiro time esportivo a atingir o valor de US$ 1 bilhão (aproximadamente R$ 3,12 bilhões), segundo relatório divulgado nesta segunda-feira (08/06) pela consultoria Brand Finance.

Os diabos vermelhos superaram o Bayern de Munique e Real Madrid, que lideravam a pesquisa até o ano passado. A valorização foi de 63%, em relação ao ano passado, fazendo com que a marca Manchester United, chegasse ao valor de US$ 1,2 bilhão (R$ 3,75 bilhões). Vale lembrar que os últimos contratos assinados pelo United, fez com que sua marca ficasse ainda mais poderosa.

A Adidas assinou contrato para ser a nova fornecedora de material esportivo pelos próximos dez anos, com um valor de cerca de US$ 1,1 bilhão. Fazendo com que o clube receba mais que triplo da ex-patrocinadora, a norte-americana Nike. O acordo firmado com a Chevrolet pelo o patrocínio master, rende algo em torno de US$ 71 milhões por ano, mais do que o dobro do seu contrato anterior com a companhia de seguros AON.

Não bastasse os contratos individuais, o último contrato de direitos transmissão da Premier League trará ainda mais dinheiro para o Manchester Untied, uma vez que o contrato de exibição do campeonato inglês deste ano foi negociado por £ 5,13 bilhões de libras (aproximadamente R$ 22 bilhões). A BSkyB e a BT Group adquiriram os direitos e poderão transmitir o campeonato a partir da próxima temporada até 2019. Os valores tiveram um aumento de 70% em relação ao contrato anterior.

» CONFIRA OS 50 TIMES MAIS VALIOSOS DO MUNDO

tabela

Fonte: Época Negócios

Por Anderson dos Santos
www.mufcbr.com

Comentários