Há rumores de que o francês receberá uma oferta para renovar o seu contrato por 3 anos. Evra não teve uma boa temporada e oferecer um contrato de 3 anos para um jogador que já está perto do fim da sua carreira é no mínimo estranho. Isso pode ser o primeiro reflexo da demissão de David Moyes.

Moyes quis um lateral-esquerdo desde que chegou. Fez oferta por Baines e Coentrão, mas não conseguiu a contratação de nenhum dos dois. Já no fim da temporada, a contratação do jovem Luke Shaw era dada como certa.

O lógico era que Evra seria um dos jogadores que deixariam o clube ao fim da temporada, mas a permanência do francês é vista com bons olhos pela diretoria do clube no caso da contratação de Shaw que, supostamente, gostaria de ter Evra como seu mentor.

Por Walter Junior
www.mufcbr.com

Comentários