A rivalidade entre Manchester United X Arsenal é notável no futebol Inglês, já que ambos clubes são conhecidos por suas história e tradições. As disputas entre os dois clubes começaram em 1919, mas a rivalidade passou a ganhar destaque por volta dos anos 90. Muitos dos últimos confrontos entre as duas equipes, durante o fim do anos 90 e início de 2000, foram marcados por verdadeiras “guerras em campo”, em partidas da Premier League e FA Cup.

Houve também a inimizade entre os treinadores das duas equipes, Arsène Wenger no comando do Arsenal e Sir Alex Ferguson no comando do Manchester United, além das confusões entre os ex-capitães dos clubes Patrick Vieira (Arsenal) e Roy Keane (Manchester United). A rivalidade ganhou notoriedade com as brigas em campo, em especial no fim dos anos 90, mas que ganhou destaque nos anos de 2003 e 2004 .

» Origem

A partida que começou a tornar o encontro em partidas mais disputadas ocorreu em 1 de Fevereiro 1958, quando os clubes se enfrentaram em uma partida do campeonato inglês, no Highbury Stadium. Esse foi o último jogo do United, no campeonato inglês, antes do desastre aéreo de Munique, que ocorreu cinco dias depois e custou a vida de oito jogadores e que aposentou dois jogadores devido ao acidente. O United venceu o jogo por 5-4, com gols de Tommy Taylor (duas vezes), Duncan Edwards , Bobby Charlton e Dennis Viollet. Cinco dos oitos jogadores, que perderam a vida no acidente, entraram em campo: o capitão e zagueiro Roger Byrne, o lateral direito Eddie Colman, o zagueiro Mark Jones, o meia Duncan Edwards e o centroavante Tommy Taylor.

Outro confronto histórico, aconteceu na final da FA Cup, disputada em 12 de maio de 1979. Os torcedores presentes, puderam presenciar uma grande disputa, o Arsenal foi para o intervalo com a vantagem de 2×0 no placar, graças aos gols de Brian Talbot e Frank Stapleton, restando poucos minutos para o final da partida, Gordon McQueen diminui para o United aos 86 minutos, dois minutos depois os red devils empataram com gol de Sammy McIlroy. No entanto, apenas um minuto após United empatar, Alan Sunderland marcou para o Arsenal no último minuto, garantindo o título para os Gunners.

Embora os dois clubes já tivessem disputados muitos jogos importantes, como a final da FA Cup de 1979, a rivalidade ganhou ênfase na partida realizada no Old Trafford, em 20 de Outubro de 1990, a vitória do Arsenal, por 1X0, fez com que o clube assumisse a primeira colocação da Primeira Divisão Inglesa de 1990-1991. Entretanto, Sir Alex Ferguson acredita que a rivalidade teve início muito antes. E uma partida é especial para o ex-manager do Manchester United, em 24 de janeiro de 1987, o Arsenal chegou como líder e com 22 jogos de invencibilidade, em todas as competições, porém o United venceu a partida por 2×0, com gols de Strachan e Terry Gibson. O momento mais violento da partida foi quando David Rocastle (Arsenal), então com 19 anos, foi expulso após cometer falta violenta em Norman Whiteside (Manchester United).

» O auge

Em 19 de agosto de 1989, no início da terceira temporada do Manchester United sob o comando de Sir Alex Ferguson, que ainda não havia conquistado nenhum título com o clube, o United recebeu o Arsenal, no Old Trafford. Os gunners haviam sido campeões na temporada anterior e a partida era válida pela primeira rodada do campeonato inglês. Apesar do favoritismo do Arsenal, o United venceu por 4-1, com gols de Steve Bruce, Mark Hughes, Brian McClair e do recém-contratado Neil Webb, o Arsenal descontou com David Rocastle.

Mesmo com o goleada sofrida no início da temporada, o Arsenal terminou o campeonato inglês em quarto lugar no campeonato com 62 pontos, com 17 pontos atrás do campeão Liverpool. Já o Manchester United teve uma desempenho decepcionante no campeonato, terminando na 13º colocação (cinco pontos e cinco posições acima da zona de rebaixamento), mas a equipe ficou com o título da FA Cup, após vencer o Crystal Palace com um gol na prorrogação, depois do empate por 3×3 durante os 90 minutos.

Em 1990-1991, o Arsenal conquistou seu segundo título inglês, sob o comando de George Graham, os gunners perderam apenas um dos 38 jogos do campeonato durante toda a temporada. A confirmação do título foi confirmado sem que o time entrasse em campo, seu concorrente, o Liverpool foi derrotado por 2×1, pelo Nottingham Forest, garantindo assim o título aos Gunners, que ainda derrotaram o Manchester United por 3×0, com um hat-trick de Alan Smith. A temporada já tinha visto dois confrontos de alto nível entre United e Arsenal – um no Old Trafford, em Old Trafford em 20 de outubro, o outro na Copa da Liga Inglesa (atual Capital One Cup) no Highbury, no dia 28 de Novembro de 1990. O Manchester United venceu o por 6×2, com um hat-trick de Lee Sharpe.

Após a chegada de Arsène Wenger, em 1996, ao comando técnico do Arsenal. United e Arsenal se tornaram rivais eternos para a Premier League. Na primeira partida em Highbury depois da chegada de Wenger, nasceu uma inimizade entre o atacante Ian Wright (Arsenal) e do goleiro Peter Schmeichel (Manchester United), após confusões durante a partida e no túnel após o jogo. Em abril de 1997, Sir Alex Ferguson  comentou publicamente, sobre as declarações de Wenger sobre o calendário de jogos do United, dizendo: “O Wenger não sabe nada sobre futebol Inglês, ele está em um grande clube. O Arsenal costumava ser grande e ele deve manter o clube assim, assim como manter sua boca fechada, firmemente fechada. Ele é um novato e deve manter suas opiniões para o futebol japonês.”, disse Ferguson sobre o fato de Wenger ter vindo do Nagoya Grampus Eight, tradicional clube japonês.

As partidas mais históricas ocorreram durante as temporadas 2003/2004 e 2004/2005. Durante a temporada 2003/2004, o Arsenal conquistou a Premier League de forma invicta, sendo rotulados como “Os Invencíveis”.

» Battle of Old Trafford

No primeiro confronto na Premier League, entre as equipe, uma cobrança de pênalti mudou o resultado da partida e histórias do Campeonato Inglês e do Arsenal. O confronto terminou empatado por 0x0, no Old Trafford em um jogo apelidado de “Battle of Old Trafford”. Patrick Vieira, capitão dos Gunners, foi expulso aos 80 minutos, após receber o segundo amarelo, o primeiro por falta e o segundo por tentar agredir o atacante van Nistelrooy. Nos acréscimos do segundo tempo, o zagueiro Martin Keown (Arsenal) derrubou o atacante Diego Forlán, dentro da área do Arsenal. Ruud van Nistelrooy foi para a cobrança de pênalti, mas mandou a bola no travessão. Após o final da partida, o holandês foi cercado pelos jogadores do Arsenal, e foi agredido por Martin Keown. O tumulto resultou na suspensão de quatro jogadores do Arsenal, além do clube ser multado.

» CONFIRA UM VÍDEO SOBRE A PARTIDA

A segunda partida, válida pela Premier League, foi realizada no Highbury, e terminou empatada em 1×1. No final da temporada, o Arsenal terminou com 90 pontos, conquistados em 38, sendo 26 vitórias e 12 empates. Já o Manchester United terminou com 75 pontos na terceira posição. O pênalti desperdiçado por van Nistelrooy, acabou por ajudar o Arsenal a ser campeão invicto, algo que não acontecia há 130 anos.

» Battle of Buffet

Arsenal eclipsado Manchester United e realmente começou um ódio entre os dois clubes. Mesmo argumentos famosos e brigas ocorreram entre os jogadores, como Patrick Vieira e Roy Keane. Arsenal passou a manter um registro nacional de 49 jogos invictos, que terminou com um jogo com o Manchester United. Este jogo foi mais tarde chamado de ” Batalha do Buffet “. Este jogo foi um grande catalisador na rivalidade desses dois clubes.

A FA Cup Final 2005 , entre os dois lados, foi a primeira vez na história da competição que a final foi decidida em uma disputa de pênaltis. Arsenal vencer o United por 5-4 depois de um empate sem gols após o tempo extra.

» Declínio dos Gunners

Com back-to-back títulos Premiership do Chelsea em 2004-05 e 2005-06, sob José Mourinho , a rivalidade United-Arsenal esfriou um pouco. United, Alex Ferguson foi ouvido comentando antes do jogo de 06 de maio de 2007, entre Arsenal e Chelsea que ele estava torcendo por “The Gunners”, um jogo onde o Arsenal realizou Chelsea a um empate que garantiu o título para o United.

Em dezembro de 2010, United, Alex Ferguson, fez um apelo pessoal aos Estados fãs para não mais cantar um cântico “doente” pelo treinador do Arsenal, Arsène Wenger, como esse tipo de cânticos dos fãs foram consideradas uma vergonha para o Manchester United. [ 8 ] Com ambas as equipes que vão para o título de Premier League em maio de 2011, o Arsenal venceu seu primeiro jogo contra o Manchester United desde novembro de 2008, para deixar United apenas três pontos à frente do Chelsea e seis à frente do Arsenal vai para os três jogos finais da temporada. No entanto, o United venceu o campeonato, nove pontos à frente do Chelsea e doze pontos à frente do Arsenal.

Em agosto de 2011, o Arsenal sofreu a derrota mais pesada da liga em 84 anos, que perdeu 8-2 para o Manchester United em Old Trafford . Arsenal não tinha perdido um jogo da liga por uma margem desde 1927, quando perdeu por 7-0 para o West Ham United no antigo campeonato de futebol da Primeira Divisão . [ 9 ] Esta foi também a primeira vez que se reconheceu oito gols em um jogo desde 1896 , quando perdeu por 8-0 para o extinto Loughborough FC na antiga Football League Second Division.

Em agosto de 2012, o então capitão do Arsenal Robin van Persie transferido para o Manchester United depois de ter afirmado que não iria renovar o seu contrato com o Arsenal. Van Persie estava em forma incrível, depois de anos de estar muito propenso lesão. Especulou-se que ele iria se mudar para um clube no exterior, como um sinal de respeito por seu ex-clube, mas, eventualmente, ele controversa assinou pelo Manchester United.

Nos últimos anos, Wenger pagou publicamente homenagem a longo sucesso de Ferguson com a United, dizendo: “Eu não me lembro de ninguém estar no, nível superior topo por um longo tempo. Em alguns aspectos, é assustador, mas também porque você acha que quando esse cara deixa o clube, não importa a qualidade do que vem depois dele, será um enorme buraco. O clube será desestabilizado, mesmo que o cara que vem depois dele é de qualidade superior, pois a impressão de tudo, a vida de tudo, gira em torno de Ferguson tanto no Manchester United. Ele tem que ser imortal que o clube não sofre! Seu compromisso é sempre lá, você nunca sente que o seu compromisso é enfraquecida. O que eu admiro talvez a mais nele é a sua visão de futuro.

Ele está sempre pronto para avançar com os tempos e nunca fala sobre o que ele fez antes. Ele sabe quando renovar a equipe, quando você tem que fazer mudanças, e que é excepcional, pois você pode às vezes ser um pouco preguiçoso quando você tem tanto sucesso. Ele nunca foi assim, ele está sempre na ponta dos pés e ele pode renovar o que é necessário, quando for necessário. É um trabalho em que você precisa para se dedicar a sua vida ao futebol e Ferguson fez isso e que merece grande respeito. Ele ganhou absolutamente tudo e, é claro, que é algo excepcional “.

Ferguson também defendeu Wenger como indispensável para o Arsenal e ser correto para vender Cesc Fábregas e Samir Nasri, dizendo: “Eu gostaria de saber quem é vai substituí-lo. O trabalho que ele fez nos 15 anos em que esteve no clube é o melhor da história do Arsenal. Sim, ele não ganhou um troféu por seis anos, mas o que isso significa? A qualidade do seu lado tem não foi reduzido. A competição é muito maior agora. Ao Arsenal e nós estávamos indo head-to-head, que durou cerca de oito anos. É um pouco injusto, claro, mas quem entende a justiça e injustiça hoje? É muito um cínico. Supporters mundo são muito menos fáceis de agradar do que eram há 20 anos. Mas Arsenal respondeu todo mundo de volta na quarta-feira [bate Udinese para se qualificar para a Liga dos Campeões]. Muita gente pensava que iria sair. que eu não fiz . Pensei que iria ganhar. O jogo de domingo vai ser mais um trampolim para eles ”

» Jogadores que jogaram pelos rivais

» Jogadores que saíram do Arsenal para o Manchester United

Jogador Posição Período no Arsenal Período no Manchester United
David Herd
Atacante 1954-1961 1961-1968
Ian Ure
Meio-Campista 1963-1969 1969-1971
George Graham
Atacante 1966-1972 1972-1974
Frank Stapleton
Atacante 1971-1981 1981-1987
Viv Anderson
Zagueiro 1984-1987 1987-1991
Matt Wicks
Zagueiro 1994-1995 1995-1996
Robin van Persie
Atacante 2004-2012 2012 – Até os dias atuais

» Jogadores que saíram do Manchester United para o Arsenal

Jogador Posição Período no Manchester United Período no Arsenal
Jimmy Rimmer Goleiro 1965-1974 1974-1977
Brian Kidd
Atacante 1967-1974 1974-1976
Jim Leighton
Goleiro 1988-1991 1991
Matt Wicks
Zagueiro 1995-1996 1996-19998
Mikaël Silvestre
Zagueiro 1999-2008 2008-2010

» Artilheiros do clássico na Premier League

Jogador Time Nacionalidade Gols
Thierry Henry Arsenal Francês 8
Waynne Rooney Manchester United Inglês 8
van Persie Arsenal e Manchester United Holandês 5
Ljungberg Arsenal Sueco 4
Park Ji-Sung Manchester United Sul-Coreano 4
Cristiano Ronaldo Manchester United Português 4
Sheringham Manchester United Inglês 4
Bergkamp Arsenal Holandês 3
Roy Keane Manchester United Irlandês 3
Lee Sharpe Manchester United Inglês 3
Dwight Yorke Manchester United Trinitário 3