Colunas

Me desculpem aos que gostam de ler um texto com dados e estatísticas, mas desta vez vou escrever um texto de desabafo contra essa família que veio pra acabar com tudo o que o Manchester United representa por toda sua longa história de superação, dor e sofrimento até chegar no topo do mundo, eu cansei de vocês Ed Woodward e Glazer’s.

Desde que me tornei torcedor do Manchester United Football Club no início deste século eu sempre fui daquele tipo de torcedor que pesquisa a história do clube, suas antigas glórias, seus antigos ídolos, os artilheiros que marcaram história, as taças levantadas e tudo o que envolve este clube, e por tudo que já li e vi sobre o United não parece nada com esse atual time que Joel Glazer está tentando acabar ano após ano, se já era ruim sua péssima administração financeira (para o clube) e principalmente da parte esportiva pós Sir Alex Ferguson, entrar na European Super League parece ser o último suspiro de um clube que estava prestes a morrer, e agora de fato já não existe mais.

Em uma liga com história de mais de 130 anos, quebrar essa barreira e tomar tal atitude é lastimável e esses 6 clubes ingleses não tem culpa disso, a culpa recai sobre seus donos e administradores sem dúvidas e para nós infelizmente um dos principais responsáveis por isso são Joel Glazer e Ed Woodward, ambos já tem relações financeiras mesmo antes desta família tomar o comando do United em 2005. Ed inclusive foi quem apresentou ao falecido Malcolm Glazer o plano de comprar o Manchester United sendo assim o principal responsável pela morte da história deste clube.

Aprendi pesquisando sobre a história maravilhosa do nosso estádio, o aclamado Old Trafford com a alcunha de Teatro dos Sonhos que percorre o mundo atualmente já se viu em ruínas duas vezes, ao passar por explosões e destruição em Guerras, não foi fácil se reerguer diante de uma Europa devastada duas vezes em menos de 30 anos, mas conseguimos não é, e hoje podemos admirar esse belo estádio que fica ainda mais impactante quando o vemos lotado, com todos mais de 75 mil lugares, uma das grandes realezas do futebol. Tudo isso foi jogado no lixo.

Aprendi pesquisando sobre a história deste clube que o ano de 1958 é um ano sempre lembrado pelo sofrimento que passaram com a tragédia de Munique, ali perdemos muito mais que jogadores e sem dúvidas teve um grande impacto na nossa história servindo de gás para uma reconstrução que levou a títulos logo na década seguinte guiados por Sir Bobby Charlton e Sir Matty Busby que sobreviveram ao acidente, e 10 anos depois do fato estavam juntos conquistando a Copa dos Campeões da Europa, os garotos de Busby são responsáveis por grandes histórias que fizeram o United ser tão grande como é hoje. Tudo isso foi jogado no lixo.

Com Sir Matty Busby aliás temos uma linda frase que é exposta em Old Trafford em uma lona todos os jogos nesse período sem público na pandemia, e ela diz muito sobre o passado deste clube e não diz nada sobre o que Joel Glazer e Ed Woodward estão fazendo com ele agora. Uma decisão tomada somente na ganância e sem pensar nos seus torcedores, uma decisão que não leva em conta a paixão dos torcedores do Manchester United, não pensa em seus ídolos, seus grandes treinadores e nem ao menos dos jogadores atuais e técnicos, somente quem tem dinheiro pensando em ter mais dinheiro tomaram essa decisão.

Aprendi também que há momentos em que não é possível comemorar nada dentro de campo e que o clube se junta para buscar o retorno ao lugar que lhe é de direito, e mesmo tendo dificuldades em conquistar novas taças, nunca faltou luta e empenho dentro de campo para isso, hoje inclusive vivemos um período parecido com este, mas justo quando o time estava se reestruturando para voltar as glórias, aparecem Joel Glazer e Ed Woodward. Tudo isso foi jogado no lixo.

Aprendi a ver este clube no seu auge sobre o comando de Sir Alex Ferguson, conquistas e mais conquistas sob seu comando com um futebol agradável e jogadores lendários fazendo história ano após ano e grandiosos astros do futebol vestindo este uniforme vermelho, vimos uma geração de novos jovens da aclamada “Class of 92” surgir e se tornarem ídolos do clube sendo celebrados praticamente todos os dias por seus grandes feitos, tudo isso fez com que o Manchester United chegasse ao topo do mundo. Tudo isso foi jogado no lixo.

Um dos clubes com a história mais lindas está sendo minado desde 2005 e vem morrendo pouco a pouco, os americanos no poder pensam somente em sua ganância de apenas obter lucros e não importam com o futebol, nem sequer visitam para ver jogos em Old Trafford, eles nem sequer investem verdadeiramente no futebol do clube e na verdade faz com que ele tenha menos dinheiro no cofre fazendo retiradas do caixa e colocando o clube para pagar dívidas da própria família, inclusive empréstimos para salvar seus outros negócios.

Quando Glazer toma essa atitude de tirar o Manchester United da ECA, da UEFA e não participar daquela competição que fomos campeões em 1968 quando o time se reergueu de uma tragédia e com os “Busby Babes” conquistaram tudo, ou quando estávamos derrotados até o minuto 90 da final em 1999 contra o Bayern e vimos Teddy Sheringham 90+1 e Ole Gunnar Solskjaer 90+3 virarem aquele jogo histórico em Barcelona, ou quando Cristiano Ronaldo, Rooney & Cia levaram o Manchester United ao Tricampeonato diante do Chelsea em Moscou contando com um escorregão de John Terry e a defesa final de Edwin Van der Sar. Tudo isso foi jogado no lixo.

Desde que assumiram o Manchester United os Glazer’s tiraram mais de 1 bilhão de euros do clube sem contar os altos empréstimos que eles colocam o clube para pagar, principalmente aquele que Ed Woodward (até aquele momento trabalhava na JP Morgan) liberou em 2005 para que Malcolm Glazer pudesse pagar a compra do United e logo depois colocou o próprio clube para pagar. E agora por mais ganância do que qualquer outra coisa, seu filho Joel Glazer carrega o caixão de um verdeiro Manchester United que está morto, agora surge outro que não tem nada a ver com o antigo e não sei se quero ser torcedor desse novo clube, que dizem carregar a mesma história, mas que não a respeita hora nenhuma.

Neste momento podemos dizer que 99% dos torcedores ingleses do Manchester United e principalmente aqueles que moram na cidade estão tristes e revoltados com a decisão de Joel e Ed em entrar para a Super League e deixar a UEFA Champions League, aliás alguns deles estiveram hoje pela manhã levando faixas contra essa decisão, um delas chama mais atenção é essa ao lado com os dizeres sobre o futebol: “Criado pelos pobres, roubado pelos ricos”.

Não vou se aqui leviano em dizer que o United nunca teve ricos sob o poder, é claro que o futebol nasceu nas classes menores e aos poucos os ricos foram entrando nele, e desde que respeitem a história do clube como outros mais antigos respeitaram não haveria problema, mas o que os Glazer’s fizeram desde 2005 até o dia 19 de Abril de 2021 não mostra nenhum tipo de respeito a história e ele não tem remorso algum em jogar nossa história no lixo para construir uma outra que não tem nada a ver com o verdadeiro Manchester United Football Club.

Comentários