Colunas

Com o time em má situação, principalmente depois de perder um clássico, o torcedor sempre imagina como seria se determinado jogador estivesse ali. Dá palpite nas contratações, na escalação, no esquema tático, em tudo. Quando o time está ganhando, os mais exigentes ainda têm reclamações.

Confesse, mesmo com o time fazendo bonito, goleando, você já pensou que esse ou aquele atleta só estava fazendo número em campo ou que você mudaria alguma coisa. Sempre tem um para reclamar do jogador que saiu, do que se aposentou, do que está machucado ou do que foi suspenso. Aliás, todos somos técnicos disfarçados de torcedores, esperando a primeira oportunidade para dar nossos pitacos. Eu, se ganhasse um real para cada vez em que acho que sei o que o técnico deve fazer, já poderia comprar o United sem dificuldades.

Sou uma torcedora chata, e roubando as palavras de Fernando Pessoa para outro contexto, “com todo direito a sê-lo”. E por isso, preparei duas escalações: a primeira do meu time dos sonhos de toda história do Manchester United e a segunda de qual seria meu time dos sonhos hoje. Como vocês bem sabem, qualquer lista desse tipo não deve ser levada a sério, por isso aceito discórdia desde que não venha com um tiro de brinde.

Primeira: Van Der Sar, Pallister, Irwin, Neville, Evra, Scholes, Best, Charlton, Giggs, Cristiano Ronaldo, Cantona. E Alex Ferguson no comando.

A segunda não é tão boa quanto a outra, mas seria com: Neuer, Hummels, Miranda, Blind, Lahm, Schweinsteiger, Pogba, Mata, Dí Maria, van Persie, Rooney. E talvez Mourinho no comando.Deixando as rivalidades de lado, é um grande técnico.

Acredito que não seja algo muito fora da realidade. Mas vale lembrar que nos últimos anos tivemos nomes tão bons quanto esses e que decepcionaram.

A questão, porém, é que o verdadeiro torcedor não flutua para onde o vento leva. Aguenta Evans, Smalling, Valencia, Obertan e quem vier. Já passamos até pelo Brown e nunca mudamos as cores. O torcedor sempre fica firme no lugar, mesmo que o vento seja um tornado. No fundo sabemos que nem sempre o que queremos é possível. E também sabemos que já tivemos e temos jogadores para causar orgulho.

Agora, já que sonhar é de graça: qual o time dos sonhos de vocês? Quem vocês gostariam de ver usando as nossas cores?

Por Larissa Bezerra
www.mufcbr.com

Comentários