Competições

» O JOGO

Após um empate sem graça e sem gols, o United voltou ao Old Trafford agora pela segunda rodada da Champions League. A partida contra o RB Leipzig definiria quem poderia abrir vantagem na liderança do grupo H. Com uma formação diferente das últimas partidas e com van de Beek sendo titular, o United buscava oferecer perigo desde o início, com linhas avançadas e velocidade no ataque conseguiu criar uma boa oportunidade aos 5 minutos, quando Fred aproveitou a bola afastada pela zaga e chutou da entrada da área, que ainda desviou antes de chegar com perigo e ser defendido pelo Gulácsi.

O confronto seguia equilibrado, a equipe alemã criava bons lances de ataque, mesmo não conseguindo finalizar. O United conseguia trocar muitos passes e subir ao ataque com muitas opções, até que abriu o placar aos 20 minutos, com Fred recuperando a bola no meio e Pogba acançando com velocidade e dando passe em profundidade para Greenwood, o camisa 11 deixou a bola passar pelo marcado e chutou cruzado para vencer o Gulácsi. O Leipzig não mudou sua maneira de jogar e respondeu aos 23 minutos, com o Nkunku arriscando o chute forte pelo lado direito dentro da área, mas o De Gea fez a defesa.

A igualdade voltou a tomar conta da partida, ambas equipes jogavam defensivamente e ofensivamente bem. Os comandados do Solskjaer com mais lances pelo meio, enquanto que a equipe alemã explorando muito as laterais, principalmente pelo lado esquerdo, com Angeliño criando boas oportunidades. As equipes conseguiam fazer uma partida equilibrada, mas as finalizações ficavam cada vez mais escassas, apesar de pressões ofensivas muito intensas, o que levou a equipe red devil com vantagem para segunda etapa.

» SEGUNDO TEMPO

Na volta para segunda etapa, as equipes voltaram sem mudanças e com o United finalizando com perigo aos 50 minutos, Greenwood recebeu passe na direita e chutou cruzado, mas o Gulácsi fez grande defesa. O Leipzig não deixava de buscar o empate e durante alguns minutos teve mais posse de bola e a criar algumas chances, porém ser oferecer perigo ao De Gea. Os alemães tiveram uma ótima chance aos 64 minutos, Konaté aproveitou a bola que sobrou após jogada de escanteio e cabeceou com muito perigo, mas o De Gea fez grande defesa e afastou o perigo. Com certa dificuldade para o time poder sair da pressão adversária, Solskjaer realizou duas mudanças, colocando Rashford e Bruno Fernandes.

As alterações deixaram a equipe re devil mais ofensiva. Bruno Fernandes levantou a bola para o Martial, em cobrança de falta frontal, em caso de gol, provavelmente o lance seria anulado pelo VAR, aos 69 minutos. O United marcou o segundo gol aos 73 minutos, Bruno Fernandes deu passe em profundidade para o Rashford, que avançou e chutou na saida do goleiro, o bandeira havia marcado posição de impedimento, porém o camisa 10 red devil estava antes da linha do meio de campo e o VAR validou o lance. A equipe red devil seguiu pressionando e aos 77 minutos, Fred recuperou a bola no meio, que sobrou para o Rashford sair na frente do goleiro e chutar cruzado, sem qualquer chance de defesa para o Gulácsi.

O United poderia ter ampliado aos 83 minutos, quando Rashford fez grande jogada se livrando de 4 marcadores, mas tendo o chute bloqueado pela defesa. No minuto seguinte, Martial recebeu passe do Fred e foi derrubado dentro da área pela Sabtizer, o francês foi para cobrança e chutou no lado direito do Gulácsi, que ainda tocou na bola, mas não evitou o quarto gol red devil. O bom momento fez o United seguir pressionando, até marcando oquinto gol com o Cavani, mas o uruguaio estava impedido em lance corretamente anulado pelo bandeira. Quando o placar parecia definido, Martial recebeu na esquerda, fez boa jogada e deu passe para o Rashford, chuta forte dentro da área para marcar seu hat-trick e o quinto gol da equipe que agora lidera o grupo H com vantagem de 3 pontos para o segundo colocado.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea, Wan-Bissaka (Tuanzebe 80′), Lindelöf, Maguire, Shaw; Matic (McTominay 62′), Fred, Pogba (Cavani 80′), van de Beek (Bruno Fernandes 67′); Greenwood (Rashford 62′) e Martial

RB Leipzig: Gulácsi, Konaté, Upamecano, Halstenberg; Kampl (Kluivert 75′); Henrichs (Sabtizer 62′), Olmo, Nkunku (Sorloth 65′), Angeliño; Forsberg e Poulsen

Gols

Manchester United: Greenwood (20′), Rashford (73′, 77′ e 91′) e Martial (85′)

Cartões Amarelos

Manchester United: Matic (33′)

RB Leipzig: Henrichs (45′), Kluivert (76′) e Sabtizer (85′)

Comentários