O Jogo

Rola bola no White Hart Lane e quem assustou pela primeira vez foi o Tottenham com Adebayor, que arriscou um chute de fora da área e mandou por cima do gol, assustando De Gea.

O jogo começou corrido com as duas equipes se revezando nas subidas ao ataque. Tottenham estava melhor no jogo, tocava bem a bola e envolvia a marcação adversária. E Adebayor de novo se aproveitando de erro do United, avançou e chutou para outra ótima defesa de De Gea.

United recua e dava espaços para o Tottenham, mas o Manchester United tentava sair para o ataque e pressionar o rival, esbarrando em erros de passe. Time da casa continuava melhor na partida e mais presente no campo de ataque, e aos 37 minutos Lennon fez uma grande jogada, cruzou para Saha, que chutou em cima de Adebayor, que depois mandou para o gol. O atacante, porém, usou a mão para dominar a bola e o gol foi anulado.

E quando tudo parecia perdido para o United em cobrança de escanteio no meio da área, Rooney cabeceiou com força, sem chances para Friedel, abrindo o placar. Fim do primeiro tempo,o Manchester United começou vencendo o Tottenham por 1 a 0.

Segundo de golaços do Ashley Young

Rola a bola para o segundo tempo e o Tottenham apostava em jogadas pelas laterais e pressionava o adversário. E aos 4 minutos da segunda etapa Assou-Ekotto cobrou falta da entrada da área, a bola passa por cima da barreira e bate no travessão assustando De Gea.

E de novo o United surpreende, Nani recebeu passe dentro da área, cruzou e Young acertou um lindo voleio. E minutos após de novo Young, o inglês recebeu a bola na entrada da área, chutou colocado e acertou o ângulo. É o terceiro do Manchester United.

Com vantagem no placar, Manchester United tocava bem a bola e segurava o ritmo do jogo. E aos 42 minutos Giggs errou na saída de jogo, Defoe dominou, avançou e chutou com força e o Tottenham diminui o placar.

Tottenham partia para o ataque desesperado e buscava mais um gol, mas acaba o segundo tempo e o placar permanece o mesmo, Tottenham 1 x 3 United.

Por Gláucio Monteiro
www.mufcbr.com

Comentários