Competições

» O JOGO

Depois do empate no clássico contra o Liverpool, o United foi até o Craven Cottage enfrentar o Fulham pela 19º rodada da Premier League, buscando voltar para liderança, uma vez que os adversários venceram e tiraram a equipe red devil da primeira posição. Contudo o Fulham que briga para sair da zona de rabaixamento, foi quem melhor iniciou a partida e ofereceu perigo no primeiro minuto, quando Wan-Bissaka perdeu a bola na direita para o Cavaleiro, que deixou para o Lookman chutar no centro para defesa do De Gea. Os donos da casa pressionavam muito e conseguiram abrir com Lookman recebendo passe entre a zaga, que parou esperando por um impedimento que não houve, para deixar a equipe em vantagem aos 4 minutos.

Os red devils foram aos poucos conquistando espaço, mesmo com a boa marcação adversária. O United demorou até oferecer perigo, o que somente aconteceu aos 20 minutos, quando Bruno Fernandes arriscou da entrada da área e acertou a trave, na sequência da jogada o United recuperou a bola pela esquerda, Fred tabelou com Bruno Fernandes, que cruzou e contou com ajuda do Areola, que não conseguiu encaixar e viu Cavani aproveitar a oportunidade para empatar o placar. Dois minutos depois e aproveitando o bom momento da equipe na partida, Fred deu passe para Bruno Fernandes novamente arriscar de fora da área, mas agora parar na grande defesa do Areola no canto direito.

A partida ficou menos interessante, uma vez que o Fulham apesar da dificuldade, conseguiu segurar o ataque red devil, que por sua vez não sofria pressão do adversário. Os comandados voltaram a ter uma boa oportunidade aos 29 minutos, com Maguire aproveitando uma cobrança de escanteio, que apesar de subir livre, mandou para longe do gol. Depois o confronto ficou com mais faltas e as chances de gol sumiram, o Fulham fechava os espaços e não deixava o United finalizar, que teve um oportunidade em cobrança de falta do Bruno Fernandes aos 34 minutos, mas que passou muito longe de oferecer perigo.

» SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou com o Fulham procurando repetir o início da partida, voltando a criar a primeira oportundiade, quando o Tete fez boa jogada pela direita, que encontrou o Lookman para chutar forte e parar na defesa do De Gea no centro do gol aos 52 minutos. Os comandados do Solskjaer avançavam com calma, trocando muitos passes e aproveitando a posse de bola para encontrar oportunidades nas jogadas pelas pontas, que foi onde surgiu a jogada da virada red devil aos 64 minutos, quando Pogba se livrou de dois marcadores e chutou cruzado para tirar qualquer chance de defesa do Areola, marcando um belo gol.

O United ficou próximo de ampliar no minuto seguinte, quando Bruno Fernandes levantou no meio da área, Cavani subiu para cabecear com muito perigo, porém o Areola evitou o gol com uma grande defesa no canto esquerdo. Os donos da casa que já não conseguiam repetir a boa atuação dos minutos iniciais do segundo tempo, quando conseguiam, subiam ataque com velocidade e aproveitaram um novo erro na defesa adversária para oferecer perigo aos 74 minutos, com Loftus-Cheek recebendo passe do Kamara entre a defesa red devil, mas o chute cruzado parou nos pés do De Gea.

Com o adversário sem oferecer perigo, o Fulham conseguiu pressionar e criar algumas boas jogadas ofensivas, porém errando nas finalizações, como no lance com Loftus-Cheek, aproveitando a bola afastada pela zaga do United, contudo o chute passou muito longe do gol, desperdiçando uma boa oportunidade aos 82 minutos. O empate quase aconteceu aos 92 minutos, Mitrovic cabeceou dentro da área, a bola desviou no Bailly e passou muito próximo a trave direita. Mesmo com toda pressão dos minutos minutos finais, o Manchester United segurou o resultado, conquistou o três pontos e voltou para liderança da Premier League.

Detalhes

Escalações

Fulham: Areola, Aina (Mitrovic 82′), Andersen, Adarabioyo; Tete, Reed, Anguissa (Lemina 78′), Bryan; Loftus-Cheek, Cavaleiro (Kamara 70′) e Lookman

Manchester United: De Gea, Wan-Bissaka, Bailly, Maguire, Shaw; Pogba, Fred; Greenwood (Rasford 84′), Martial (McTominay 84′), Bruno Fernandes (Matic 94′) e Cavani

Gols

Fulham: Lookman (4′)

Manchester United: Cavani (20′) e Pogba (64′)

Cartões Amarelos

Fulham: Anguissa (11′), Bryan (62′) e Aina (68′)

Manchester United: Pogba (9′)

Comentários