Competições

» O JOGO

O United buscando a sétima vitória seguida, começou dominando e tinha mais posse de bola, mas tinha com dificuldade para finalizar. Enquanto que o Brighton buscava se recuperar da derrota na última partida, se fechava muito bem, enquanto que buscava o ataque no contra-ataque. O primeiro lance de perigo só aconteceu aos 19 minutos, Young cruzou rasteiro e Rashford finalizou, porém o chute foi bloqueado pela zaga. No minuto seguinte, após confusão dentro da área, Pogba mandou de bicicleta, a bola ainda desviou na zaga antes de passar próximo a trave.

O placar foi aberto aos 26 minutos em cobrança de pênalti, Pogba invadiu a área aos 24 minutos e foi derrubado por Bong, o francês foi para cobrança e converteu. Após sofrer o gol, o Brighton deixou de jogar tão recuado e tentou oferecer algum perigo, mas a primeira chance do Brighton, aos 32 minutos, no chute do Murray, passou longe do gol. No minuto seguinte, por muito pouco o United não ampliou o placar, Lindelöf lançou para Martial, o camisa 11 tentou encobrir o goleiro, mas finalizou em cima do mesmo.

A partida seguia com o domínio e mais oportunidades red devils, e na melhor delas, o United marcou o segundo gol aos 41 minutos, Dalot avançou pela esquerda, deu passe para Rashford, o camisa 10 se livrou da marcação do Gross e chutou alto tirando qualquer chance de defesa do David Button. Com a desvantagem no placar, os visitantes ensaiaram uma reação nos minutos finais, mas apesar do esforço, não conseguiram criar nenhuma jogada perigosa.

» SEGUNDO TEMPO

A partida reiniciou com pressão do United, que ofereceu perigo aos 52 minutos, Rashford cruzou da esquerda e Lingard, de frente para o gol, finalizou para fora. Os comandados do Solksjaer seguiram pressionando e tiveram uma nova oportunidade aos 56 minutos, Martial recebeu na entrada da área, driblou um marcador e chutou, a bola passou muito próximo a trave adversária. O Brighton conseguiram segurar o United e, principalmente, não sofrer o terceiro gol.

Após a pressão red devil nos primeiros minutos, a partida ficou mais equilibrada. O United diminuiu o ritmo, recuou as linhas defensivas e não deixava brechas em sua defesa, enquanto que o Brighton buscava encontrar uma maneira de invadir a zaga do United, mas tinha bastante dificuldade, fazendo com que a bola ficasse presa entre o campo defensivo e o seto de criação, que por sua vez não conseguia jogar.

Contudo “as gaivotas” conseguiram marcar aos 71 minutos, Propper cruzou, Gross recebeu no meio da zaga do United e chutou no ângulo, tirando qualquer chance de defesa do De Gea. Com o gol, o Brighton passou a pressionar, mas nada que pudesse garantir um empate, o United teve a melhor chance dos minutos finais, as 88 minutos, Pogba se livrou de dois marcadores e chutou da entrada da área, a bola passou muito próximo ao gol. A vitória foi a sétima seguida, sendo a sexta na Premier League.

Detalhes

Escalações

Manchester United: De Gea, Young, Lindelof, Jones, Dalot, Matic, Herrera, Lingard (Mata 74′), Pogba, Rashford (Darmian 93′) e Martial (Lukaku 82′)

Brighton: Button, Montoya, Duffy, Dunk, Bong, March (Knockaert 60′), Gross (Kayal 81′) Stephens, Propper, Locadia e Murray (Andone 60′)

Gols

Manchester United: Pogba (26′) e Rashford (41)
Brighton: Gross (71′)

Cartão Amarelo

Manchester United: Rashford (92′)

Comentários