Notícias

Presidente da polêmica Super Liga Europeia, Florentino Pérez concedeu entrevista a uma emissora de TV espanhola nesta segunda-feira para falar sobre os planos para a competição. Entre os argumentos para a criação, ele apontou a falta de interesse dos jovens pelo futebol.

O também presidente do Real Madrid deu uma aula de ganância e egoísmo. Leia alguns pontos da entrevista absurda:

“Muitos clubes importantes da Espanha, Itália e Reino Unido querem encontrar uma solução para uma situação financeira muito ruim. A única maneira é jogar jogos mais competitivos. Se em vez de jogar na UCL, jogar na Super League ajudará os clubes a recuperar os ganhos perdidos.”

“Aqui no Real Madrid perdemos muito dinheiro, estamos todos passando por uma situação muito ruim. Quando não há lucro, a única maneira é jogar jogos mais competitivos durante a semana. A Super League vai salvar os clubes financeiramente.”

“Quando você não tem outra receita além dos direitos de transmissão, você diz que a solução é oferecer jogos mais atraentes que permitam que torcedores de todo o mundo assistam aos grandes times jogarem uns contra os outros.”

“O futebol deve evoluir como tudo na vida, ele tem que se adaptar aos tempos em que vivemos. O futebol está perdendo interesse, os direitos de TV estão diminuindo. Queríamos fazer a SL, a pandemia nos deu urgência: agora estamos todos arruinados no futebol.”

“O atrativo do futebol é jogar entre grandes clubes, o valor da televisão aumenta e mais renda é gerada. Não são apenas os ricos que querem a Super League, estamos fazendo isso para salvar o futebol porque está em um momento crítico.”

“Vai virar uma pirâmide porque nós, os grandes clubes, teremos mais dinheiro e poderemos investir comprando jogadores, se os grandes clubes perderem o dinheiro como está acontecendo, todo o sistema futebolístico quebra como na Liga dos Campeões.”

“A #SuperLeague não é uma liga fechada, não é verdade. Quem conquistar as cinco vagas disponíveis poderá jogar com as outras melhores equipes do mundo.”

“Vamos falar com a UEFA, como dissemos no comunicado. Temos de discutir com a UEFA as 5 vagas disponíveis na #SuperLeague. A UEFA tem trabalhado no novo formato da UCL, mas honestamente não entendo. Queremos salvar o futebol.”

“A UEFA é um monopólio, mas tem de ser mais transparente. Queremos salvar o futebol nos próximos 20 anos, é uma época de grande perigo. Se ganhar, recebe 120 a 130 milhões de euros da UEFA, mas com a #SuperLeague ganharemos muito mais.”

“Jogadores banidos de competições internacionais e das seleções nacionais segundo a UEFA? Não se preocupe, isso não vai acontecer. Eles não serão banidos se ingressarem na #SuperLeague.”

“Manchester United, Real Madrid, Manchester City e Chelsea como os outros clubes da #SuperLeague não serão banidos da Champions League, Liga Europa ou das ligas nacionais. Tenho 100% de certeza disso. É impossível”.

“Manchester United vs Barcelona será mais atraente do que Manchester vs uma equipe menor.”

“Mesmo na Premier League, se os melhores clubes forem economicamente mais fortes, todos os outros clubes também ficarão mais fortes. É uma consequência. Queremos dialogar com a UEFA como propusemos na #SuperLeague, queremos isso para salvar o futebol.”

“O PSG ainda não foi convidado, até hoje. Nem falamos com os clubes alemães. Agora somos 12 clubes, queremos nos tornar 15 clubes. Se PSG e Bayern de Munique se recusarem a entrar na competição, a #SuperLeague irá acontecer, não pode ser cancelada. Isso é uma besteira.”

“O que pode ser melhor do que assistir a estes 15 melhores clubes todas as semanas”.

“O presidente Ceferin insultou Andrea Agnelli hoje, não é possível. É uma loucura falar de um presidente de um clube mundial como a Juventus. Isso é algo inaceitável, a UEFA deve mudar, não queremos um presidente que insulte os outros presidentes.”

“Perdemos combinados €5 bilhões, o Real Madrid sozinho perdeu € 400 milhões.”

“Esta #SuperLeague não é para os ricos, mas para salvar o futebol. Se isso continuar, o futebol vai desaparecer e em 2024 já estaremos mortos. Esta é a única maneira de salvar a todos: grande, médio e pequenos clubes.”

“Boris Johnson disse que fará de tudo para cancelar a #SuperLeague porque lhe explicaram que a Premier League iria desaparecer: é falso, não é verdade. Tudo voltará ao normal.”

“O novo formato da Champions League para 2024 é algo absurdo. Não tenho nenhum interesse pessoal em fazer esta #SuperLeague, não sou o dono do Real, mas apenas o presidente porque o Real Madrid é propriedade dos sócios. Quero salvar o futebol.”

“O Barcelona atravessa uma situação económica difícil, Laporta imediatamente compreendeu e aceitou como todos os grandes clubes do mundo. Esta #SuperLeague salvará todo o mundo do futebol”.

“O contrato da Super League é vinculativo. Ninguém pode sair, vamos trabalhar todos juntos. Todos os clubes assinaram os contratos no sábado passado.”

“Ainda não convidamos o PSG, vamos conversar com muitos clubes e explicá-los sobre o projeto da #SuperLeague. Se o Bayern se recusar a participar não vamos cancelar, não se preocupe. Nós também vamos contratar alguns dos melhores árbitros do mundo.”

“Não há transparência. Eu sei o salário do Lebron James, mas não sei o salário do presidente da UEFA.”

“Se os jovens dizem que os jogos de futebol são muito longos, talvez seja porque esse jogo não é muito interessante ou talvez tenhamos de encurtar a duração dos jogos.”

“Vamos fazer todos os esforços, podemos demorar mais um ano, para convencer todas as partes. A pandemia nos levou a uma situação que não podemos suportar.”

“Se não conseguirmos chegar a um acordo com a UEFA, NÃO recuaremos. Se quiserem esperar até 2024 para fazerem a reforma, podem esperar. Não estamos à espera de ninguém porque precisamos da #SuperLeague.”

Florentino disse não considerar a Supercopa uma liga fechada, já que, apesar das 15 vagas fixas, cinco equipes terão direito a se classificar em cada temporada. Doze destas equipes fixas já estão definidas: Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Tottenham, Atlético de Madrid, Barcelona, Real Madrid, Internazionale, Juventus e Milan.

Essa Super Liga é uma VERGONHA!

Comentários