David Moyes

O treinador David Moyes em coletiva de imprensa nesta sexta-feira (10/05) se recusou a falar sobre o seu futuro no Manchester United.

“Eu espero respeito hoje se você manter perguntas sobre o Everton hoje. Eu sou técnico do Everton Football Club.”

O treinador de 50 anos que está à 11 em Goodison Park e no domingo enfrenta o West Ham fará sua última partida dentro de casa em Merseyside, e o técnico que foi zagueiro no Bristol City na época ainda como jogador deixará os Toffees de coração apertado.

“Eu acho que Domingo será emocional porque eu sou próximo aos jogadores e das pessoas em volta ao Goodison.

Os torcedores tem sido fantástico comigo. 11 anos atrás, eu era praticamente desconhecido. Eles tem sido fantásticos. A maior coisa é dizer muito obrigado. Se eu não tivesse o suporte dos torcedores, eu não estaria aqui.”

O Glaswegian também disse:

“Estou desapontado ao deixar um clube tão grande.”

Moyes foi perguntado que tipo de clube é o que ele está deixando para trás para ficar com a difícil tarefa de fazer o mesmo trabalho que Ferguson fazia.

“Esse clube quando eu assumi foi subindo ao longo da parte inferior da tabela da Premier League. Agora nós estamos competindo entre a quinta, sexta colocação toda temporada.

O Everton é um grande clube com um grupo muito bom de jogadores. O Everton progrediu-se.”

O próprio clube pediu aos jornalistas presentes na conferência de imprensa de evitar em fazer perguntas para ele sobre o seu novo clube United.

O clube em nota disse antes da conferência:

“O senhor Moyes não estará respondendo qualquer questões submetidas do Manchester United ou de sua nomeação do novo treinador do clube.”

 

O Presidente do clube e assim como alguns jogadores do Everton deixaram seus agradecimentos à David Moyes.

Presidente do Everton, Bill Kenwright:

“Ele é um grande treinador e o Manchester United tem muita sorte. Estou certo do que os torcedores do Everton ficará apenas com gratidão à David. Temos dois jogos restantes e vai ser difícil para os torcedores do Everton dizer adeus a ele. Nós não poderíamos ficar no caminho dele porque ele estará sem contrato e sua decisão já foi feita.”

Phill Neville:

“Seu método é empurrá-lo para os seus limites no treino e então na partida fica fácil. Ele desenvolveu como um treinador muito porque olhou as coisas diferentemente. Seu estilo é baseado em equipes Britânicas, um time sólido para um estilo de fora com mais talento. O DNA do estilo de David Moyes é claro: trabalho duro, espírito, união e luta.”

Tim Howard:

“David Moyes tem uma receita muito boa para o sucesso. Ele não traz apenas em cada bom jogador disponível. Ele traz em jogadores que podem jogar em duas posições e também os que chegam. E então ele os orienta. Ele é um motivador incrível. E ele fica melhor a cada ano.”

Steven Pienaar:

“Ele é um dos melhores, se não o melhor treinador da Premier League. Ele mostra na maneira em que estamos jogando.”

Phil Jagielka:

“Assim como o restante do elenco eu não tenho nada além do maior respeito por David Moyes. Ele é um funcionário de primeira classe dentro e fora do campo de treinamento, e em nome de todos os jogadores eu gostaria de deixar registrado o meu agradecimento pelo trabalho que fez melhorar a equipe. Foi tanto quanto um choque para todos no vestiário e eu tenho certeza que também foi para o Everton e nossos torcedores. Todos os rapazes lhe desejam tudo de bom para o futuro.”

Por Tiago Alexandre
www.mufcbr.com

Comentários