Colunas

Olá pessoal. Depois do meu grande hiato no site, estou de volta. Retornarei falando daquilo que mais gosto: Contratações. Este é o melhor momento de falar bem ou mal. Continuo um pouco ácido nos meus textos, mas, desta vez, prometo ser um pouco mais doce, até porque as contratações vem me alegrando demais e trazendo boas perspectivas para um novo Manchester United. Quando começam a surgir os rumores, a esperança sobe. Quando rivais dão um chapéu atrás do outro, a esperança acaba. O vai-e-vem do mercado é igual uma escada rolante. Um ciclo vicioso que tem a sua queda e também ergue-se a todo o momento. Assim está o Manchester United no começo da temporada 15/16 (sim, para mim temporada começa desde já).

Quando surgia os rumores, por exemplo, Clyne (LD do Southampton), Firmino (MAC Hoffenhaim), Turan (MAC Atlético de Madrid) e Gundogan (MC Borussia Dortmund), a torcida começou a ficar confiante. Passado os dias, o Liverpool deu um “chapelaço” no United e levou Clyne e Firmino. Turan acertou com o Barcelona e o Gundogan preferiu renovar com o Borussia. Que maravilha. A temporada vai ser igual a 14/15. Vai chegar uma estrela (Dí Maria) que não irá brilhar absolutamente nada e um monstro (Falcão) que não ameaça nem uma formiga.

A surpresa apareceu de imediato. Creio que o “Tio Ed” teve uns pesadelos e do nada encarnou um espírito de compras absurdo. Em uma semana tivemos a felicidade, sim, FELICIDADE de anunciar bons nomes como o lateral direito, Matteo Darmian (ex-Torino); o excelente volante, Morgan Schneiderlin (ex-Southampton) e claro, ele, o monstro, o gênio do meio campo, Bastian Schweinsteiger (ex-Bayern de Munique), ou simplesmente, Bastião.

UTDNEWBOYS_3373755b

Schweinsteiger e Schneiderlin é a esperança de uma meio campo consistente neste novo United

Estes três bons nomes se juntam ao garoto Memphis Depay (ex-PSV). Um elenco começa a tomar forma. Claramente, a preocupação este ano é montar um time. Não precisamos de grandes estrelas que nos custam muito e não jogam nada. É necessário um time de jogadores bons e técnicos, como o Schweinsteiger. Quando falei que era um gênio, não era no sentido de ser craque, mas sim de saber jogar futebol. De ter uma técnica incrível que ajudaria qualquer clube do mundo. Um jogador que é vitorioso e que tem uma sede por conquistas invejável. Os outros três mostraram que a técnica vem acima do estrelismo. Nenhum são grandes estrelas do futebol mundial, mas todos tem um papel importantíssimo em seus clubes e até mesmo na seleção nacional.

Até então, com estas quatro contratações, destaco os dois meio campistas: Schweinsteiger e Schneiderlin. Van Gaal terá que armar o esquema com estes dois jogando juntos. Um completa o outro. O alemão é incrível quando se fala em “entender o futebol”. O francês também tem uma leitura técnica invejável. Será um meio campo de encher os olhos. Para mim, o time deve fluir através dos dois.

darmian

Darmian pode ser o fim das diversas improvisações na lateral direita

Darmian é um lateral bastante versátil. Pode jogar também na esquerda e até mesmo como um ponta. É veloz e tem um estilo da Premier League. Gostava muito dele no Torino e pode ser uma grande contribuição, já que contamos com o Rafael que vive machucado e várias adaptações na direita, como o Jones, Valencia e até mesmo o MacNair. Já Depay é um diamante a ser lapidado com o tempo. Ah se o Dí Maria voltasse a ser Dí “Magia”. Seria um ótimo tutor para o holandês. Rápido, habilidoso, bom finalizador e extremamente inteligente. Tem de tudo para dar boas esperanças ao torcedor Red Devil. Não podemos cobrar muito dele nesta primeira temporada, temos que ter calma antes de começar cobranças desnecessárias.

Memphis-Depay

Depay é a joia a ser lapidada por Van Gaal

Por outro lado, não é só de contratações que se forma um ótimo. É necessário limpar, e toda limpeza pode trazer algo triste. Nesta janela se foram Nani (Fenerbahçe) e Cleverley (Everton). Ainda bem que estes dois “tumores” saíram. Estou muito contente. Porém, Van Persie também foi embora e desembarcou na Turquia para jogar no Fenerbahçe. Eu lamento muito. Particularmente eu sou um grande, ou melhor, imenso fã do holandês. Fiquei extasiado na sua chegada e muito triste na sua saída. Recentemente, um grupo de amigos me perguntaram os cinco melhores jogadores europeus. Van Persie era o primeiro. 58 gols em 105 partidas. Obrigado, Van Persie. Por tudo!

Pois bem, chegaram jogadores e saíram alguns. Ainda temos carências enormes no elenco. Nossa zaga é inchada, porém fraca. Salvo Rojo e Jones, apenas. Precisamos de pelo menos dois zagueiros de muita técnica, que facilmente pode virar titular nesta zaga do United. No meu ponto de vista, outra carência é um armador que possa fazer sombra ao Mata (as vezes ao Rooney, nunca sabe onde ele vai jogar). Não queremos ninguém caro e estrela. Queremos alguém que jogue bola, assim como os demais contratados.

Robin Van Persie was rested for Manchester United's midweek win over Real Sociedad

Van Persie foi para a Turquia e deixou um “rombo” no ataque Red Devil

Com a saída de Van Persie e a não renovação do empréstimo de Falcão, ficamos também desfalcados no ataque. Temos Rooney, Wilson e Chicharito voltando ao clube. O primeiro sabemos o que faz. O segundo é uma jovem aposta, já o terceiro parece ter desistido do futebol (mas ainda acredito na ervilha). Rumores apontam Cavani. Seria uma ótima a possível troca entre Dí Maria e o uruguaio.

Enquanto isso, vamos sentar, pegar a pipoca e aguardar os próximos episódios, pois, pelo o que parece, a epifania do “Tio Ed” pode render bons frutos, ou melhor, render um novo Manchester United.

MANCHESTER, ENGLAND - JULY 16:  (EXCLUSIVE COVERAGE) (MINIMUM FEES APPLY -250 GBP PRINT & 125 GBP ONLINE OR LOCAL EQUIVALENT, PER IMAGE) New manager Louis van Gaal of Manchester United poses with assistant manager Ryan Giggs (L) and Executive Vice Chairman Ed Woodward (R) as he starts his new role at Aon Training Complex on July 16, 2014 in Manchester, England.  (Photo by John Peters/Man Utd via Getty Images)

As péssimas temporadas passadas foi a verdadeira epifania, certo Tio Ed? (Photo by John Peters/Man Utd via Getty Images)

Por Vinícius Toscano
www.mufcbr.com

Comentários