O Jogo

 Começo de jogo e o time do Swansea começou a pressionar o United marcando bem e tocando muito bem a bola, porém a pressão durou apenas cincos minutos, quando o United começou a manter a posse de bola e analisar mais o adversário, até que aos 10 minutos o Angel Rangel tentou sair tocando e tocou para o Giggs que invadiu a área e tocou para o Chicharito, que mandou a bola para o fundo das redes, fazendo seu 4º gol na Premier League.

 Depois do gol a partida ficou mais calma, com amabas equipes tocando a bola, mas a posse de bola do United sendo superior. Aos 22 minutos um lance perigoso e engraçado, após confusão dentro da área do United a bola sobrou para o Sinclair, livre e de frente ao gol do United, mas acabou furando e desperdiçando o empate para o Swansea.

O ritmo do jogo seguiu o mesmo até o fim do primeiro tempo, com poucos lances de perigo, muitos erros de passes e pouca criação por parte de ambas equipes. No último minuto, Chicharito recebeu belo lançamento e poderia ter chutado em gol, mas preferiu chruzar, porém não tinha nenhum jogador do United na área.

Segundo Tempo apático do United e com pressão do Swansea

Segundo tempo começou melhor que o fim do primeiro tempo, o united chegou a marcar outra vez, mas o Chicharito estava impedindo. Um minuto depois o Swansea chegou com perigo, mas o De Gea salvou e mandou para escanteio o chute perigoso do Danny Graham.

Aos 6 minutos o brasileiro Fábio entrou no lugar do Evra, que havia recebido cartão amarelo, após falta cometida sobre o Dyer. O time do Swansea começou a pressionar a saída de bola do United e começou a atacar tanto pelas laterais como pelo o meio, fazendo com que o United marcasse mais e principalmente melhor, mas no setor de criação o United estava pecando, com Nani e Park, ambos fazendo uma partida apática.

O time galês insistia em fazer “chuveirinho”, porém a defesa do Unite sempre afastava o perigo, o United aceitou a condição de jogo e esperava o fim da partida, até pelo o motivo do Swansea não perder um partida em casa há 9 meses, porém nos últimos cinco minutos o United começou a pressionar e até chegar com perigo. Em dois lances com Nani em escanteio, cobrando ambos fechado. Um minuto depois Rooney, após novo erro do Angel Rangel, tentou fazer o gol encobrindo o goleiro, entretanto acabou perdendo o gol. O United ainda teve mais duas chances com Phil Jones, que mandou a bola na trave, e com Nani que no último minuto chutou de fora da área com perigo.

Fim de jogo e mais três pontos para o Manchester United. O próximo jogo dos Red Devils será na terça- feira, dia 22/11, contra o Benfica, no Old Trafford, em jogo válido pela 5º rodada da Champions League.

Por Anderson dos Santos
www.mufc.com.br

Comentários